Dia a dia

Preso, em Manaus, trio que usava a internet para venda fraudulenta de tijolos

O trio foi autuado em flagrante por estelionato, relações de consumo e associação criminosa - foto: divulgação/PC

O trio foi autuado em flagrante por estelionato, relações de consumo e associação criminosa – foto: divulgação/PC

Policiais civis da Delegacia Especializada em Proteção ao Consumidor (Decon) prenderam, em flagrante, no fim da tarde desta terça-feira (29), na Zona Oeste de Manaus, Wagner Garcia da Silva, 30, e os irmãos Francisco Araújo da Silva, 36, o ‘Vaqueirinho’, e Hilton Araújo da Silva, 31, por envolvimento em venda fraudulenta de tijolos na capital.

De acordo com o delegado titular da Decon, Antônio Chicre Neto, os três homens utilizavam um site de vendas na Internet para oferecer a venda de tijolos em Manaus. Inclusive, dois deles já estavam sob investigação pela prática deste delito.

“Hilton e Francisco já estavam sendo monitorados. Temos registros de ocorrências contra eles. Eles costumavam entregar quantidade de tijolos bem abaixo da quantia acertada com as vítimas”, Chicre Neto.
Conforme o delegado, após várias denúncias anônimas, os investigadores da especializada conseguiram localizar o caminhão que era utilizado pelos suspeitos.

“Os policiais civis já sabiam que eles utilizavam esse veículo para fazer a entrega dos tijolos e resolveram segui-los até um condomínio no bairro Tarumã, Zona Oeste, onde foi constatada a fraude. No local deveriam ser entregues 2.004 mil unidades e eles carregavam apenas 1.364 tijolos, quantidade inferior à negociada com o cliente”, explicou.

Mediante a constatação do crime, os três homens foram conduzidos à sede da Decon, no Centro da cidade, onde foram autuados em flagrante por estelionato, relações de consumo e associação criminosa.

O caminhão, alugado pelos suspeitos, foi apreendido pelos servidores da Polícia Civil. O trio será encaminhado na tarde desta quarta-feira (30) à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde ficará à disposição da Justiça.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir