País

Prédio desaba em Roma e 110 pessoas são evacuadas

Um prédio de quatro andares desabou parcialmente em Roma na madrugada deste sábado (24), causando a evacuação de 110 pessoas que moravam no local. Ninguém ficou ferido porque os moradores haviam sido retirados preventivamente na noite de sexta-feira (23). No entanto, 40 pessoas perderam completamente suas residências, já que elas estavam na parte mais destruída. As informações são da Agência Ansa.


Entre as causas do desabamento, a mais provável é de que infiltrações subterrâneas tenham danificado as bases do prédio, provocando a queda. Na manhã de ontem, os moradores acionaram a Defesa Civil para fazer uma verificação por causa do aparecimento de grandes fissuras e fendas que se abriram nas paredes do prédio. Durante todo o dia a situação foi monitorada, mas devido ao aumento das rachaduras à noite, todo o local foi evacuado.

Crime de queda culposa

A Procuradoria de Roma anunciou a abertura de um inquérito pelo crime de queda culposa. A Defesa Civil informou que os desabrigados serão redirecionados para hotéis “possivelmente nesta área da cidade” até que a situação normal seja restabelecida. A prefeita da capital italiana, Virginia Raggi, foi ao local e cancelou sua participação na festa de seu partido para prestar apoio aos moradores. “Neste momento, qualquer tipo de afirmação sobre as causas é prematura. É evidente que esse é um drama, mas vamos evitar o alarmismo. Estamos concentrados para entender o que aconteceu e as condições do edifício. Não deixaremos sozinhas as famílias atingidas”, disse a prefeita aos jornalistas.

Por Ansa

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir