Política

Pré-candidatura de Arthur à reeleição deve ser anunciada na segunda-feira

Arthur é o único político que ainda não oficializou sua candidatura - foto: Mário Oliveira/Semcom

Arthur é o único político que ainda não oficializou sua candidatura – foto: Mário Oliveira/Semcom

A pré-candidatura do prefeito Arthur Neto (PSDB) à reeleição deve ser anunciada oficialmente na próxima segunda-feira (18), durante reunião com a direção do partido. A informação foi dada na manhã deste sábado (16) pelo secretário-geral da sigla, Mário Bastos, durante evento que lançou os pré-candidatos a vereadores.

“Nós ainda vamos conversar com o prefeito sobre as eleições, mas é desejo sim que ele oficialize, porém, vamos deixar a pré-candidatura a critério dele”, disse.

Dos aspirantes a prefeito de Manaus, Arthur Neto é o único político que até o momento não oficializou a sua pré-candidatura e, sempre que é questionado sobre o assunto, afirma que é cedo para falar de política, alegando que a sua preocupação maior é com a cidade. Nos bastidores, porém, especula-se que sua chapa seja composta pelo deputado Josué Neto (PSD), como pré-candidato a vice.

Em declarações anteriores, Josué Neto tem mostrado interesse no pleito, mas até o momento não passam de apenas especulações, salientou Mário Barros. “É um nome forte que surgiu e que está em negociação, mas até o momento não tem nada definido e principalmente sem nenhum indicio de posição acerca da indicação de um vice”, disse, destacando também que tudo só será decidido na convenção que será realizada no dia 5 de agosto, último dia válido conforme o calendário eleitoral.

O PSDB lançou hoje chapa completa com os 65 nomes pré-candidatos a vereador, entre eles estão os que já possuem mandatos, como os vereadores Elias Emanuel, Plinio Valério e Ednailson Rozenha. De acordo com o secretário-geral, Mário Barros, existe também uma conversa sobre o partido se coligar com outras duas legendas: PSD e Pros. “Deverá ser um chapão de 12 vereadores dos três partidos, sendo que desse seis serão eleitos e os outros cinco deverão ficar de fora”.

Por Diogo Dias

1 Comment

1 Comment

  1. Amadeu

    16 de julho de 2016 at 20:17

    O prefeito deveria mandar alguém na feira do CSU do Parque 10 e acabar com o monopólio que existe na venda de refrigerante e água pois além de praticarem o preço que o dobro do praticado no bairro do Parque 10. Um roubo cobrar R$ 4,00 por uma lata de refrigerante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir