barra portal

EM TEMPO - Últimas notícias

Um homem foi preso após render duas funcionárias e assaltar, junto com um comparsa,...
Como um reflexo dos últimos acidentes graves que ocorreram em Manaus nas últimas...
  Fruto de apreensões de operações de combate a pirataria na cidade, cerca...
A partir dessa semana, os estacionamentos privados no Centro de Manaus devem passar...
Quarteis do Corpo de Bombeiros nos municípios de Rio Preto da Eva e Tabatinga,...
O Ministério Público da Itália emitiu parecer favorável à extradição ex-diretor de...
O processo de licitação para a compra de livros destinados para escolas estaduais...
O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) anunciou nesta quarta-feira (23) a...

Fifa e Coca-Cola treinam catadores para atuar nos jogos da Copa

Oitocentos e quarenta catadores de materiais recicláveis estão sendo treinados em todo o país, por meio de parceria firmada pela Federação Internacional de Futebol (Fifa) com a empresa Coca-Cola Brasil, para atuar nos estádios das 12 cidades-sede da Copa do Mundo, que ocorrerá  de 12 de junho a 13 de julho.


A parceria prevê que a Coca-Cola será a responsável pela ação de gerenciamento de resíduos sólidos da Copa da Fifa Brasil 2014.


Nesta quinta-feira (10), 70 catadores da Rede Movimento, que tem 34 cooperativas associadas, participaram de treinamento no Rio de Janeiro. O diretor de Sustentabilidade da Coca-Cola Brasil para a Copa da Fifa, Victor Bicca, disse à Agência Brasil que os 840 catadores farão a coleta seletiva em todos os 64 jogos da Copa.


“Para isso, nós estamos fazendo um treinamento desses catadores, nas 12 cidades-sede. Hoje, nós estamos no Rio de Janeiro, fazendo o nono treinamento. Agora, faltam mais três cidades”. O objetivo, disse Victor Bicca, é assegurar  que os catadores tenham todas as orientações para que possam se comportar e exercer de maneira correta a atividade de gestão de resíduos dentro dos estádios. Com isso, ele espera coletar todos os materiais e embalagens que vão ser gerados durante os jogos, para que possam ser destinados à reciclagem.


Após a coleta nos estádios, o material é transportado para as cooperativas parceiras, onde é feita a triagem , isto é, a separação dos materiais que, depois, são encaminhados para as empresas recicladoras. A operação pretende garantir o fluxo completo da reciclagem, que envolve a coleta, triagem e a parte recicladora, para ser base de um novo produto.


Com isso, assegurou Victor Bicca, “a gente está reforçando, que é um dos legados que a empresa quer deixar para depois da Copa, o incentivo da cultura da reciclagem no país e criando um novo patamar de gestão de resíduos dentro dos grandes eventos esportivos, como a Copa do Mundo”.


Jovem é preso com drogas e arma
Jovem é preso com drogas e arma
03º BLOCO JORNAL 22 04 2014
03º BLOCO JORNAL 22 04 2014
02º BLOCO JORNAL 22 04 2014
02º BLOCO JORNAL 22 04 2014
01º BLOCO JORNAL 22 04 2014
01º BLOCO JORNAL 22 04 2014

03º BLOCO AGORA 22 04 2014
03º BLOCO AGORA 22 04 2014
02º BLOCO AGORA 22 04 2014
02º BLOCO AGORA 22 04 2014
01º BLOCO AGORA 22 04 2014
01º BLOCO AGORA 22 04 2014
03º BLOCO JORNAL 21 04 2014
03º BLOCO JORNAL 21 04 2014

Pesquisar no site

Rádio EM TEMPO

Videorreportagem Agora

Entrevistas

  • EM TEMPO
  • Agora

capa

capa agora

Articulistas

dia-da-terra   Os últimos acontecimentos nos têm feito refletir sobre a nossa postura diante do desequilíbrio...
por Augusto Bernardo Cecílio
cada-vez-menos-indígenas   No último dia 19 de abril, amanhecemos um pouco menos “indígenas” do que éramos em 1943,...
por Fabio Candotti

Facebook

Charge do dia

charge-do-dia-23-de-abril-de-2014

publicidade

julio sumiu
Our website is protected by DMC Firewall!