Dia a dia

Polícia prende suspeito de matar dentista e filha em Coari

O suspeito foi identificado por imagens de câmeras de segurança de um posto de combustível – Divulgação

João Oliveira dos Santos, 26, conhecido como ‘Joazinho’, foi preso na tarde desta sexta-feira (17), suspeito de ser um dos autores do latrocínio (roubo seguido de morte), que vitimou pai e filha, nessa quinta-feira (16), no município de Coari (a 363 Km de Manaus).

O suspeito foi preso durante uma ação conjunta entre policiais civis e militares do município, além de uma equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

De acordo com o delegado Mauro Duarte, titular da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Coari, o homem foi identificado por imagens de câmeras de segurança de um posto de combustível, que fica localizado a cerca de 200 metros do local do crime. Nas imagens, ‘Joazinho’ aparece acompanhado de outro homem, que ainda não foi identificado.

Conforme o delegado, João foi preso em agosto de 2015 suspeito de matar o próprio tio e estava em liberdade há cinco dias.

O crime

Após um assalto, o dentista aposentado Francisco Ferreira Barros de Assis, 68, e a filha dele, a estudante de medicina, Rayssa Ferreira, 24, foram assassinados, dentro da casa onde moravam, na Zona Centro-Sul de Coari.

Conforme informações dos vizinhos do dentista, os criminosos chegaram ao local em uma motocicleta e aproveitaram que o portão estava encostado para entrar na casa.

Mara Magalhães
EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir