Sem categoria

Polícia prende grupo da FDN com 50 quilos de entorpecentes avaliados em mais R$300 mil

O quarteto foi autuado por tráfico de drogas. Após os procedimentos cabíveis, serão levados para a Cadeia Pública - foto: Mara Magalhães

O quarteto foi autuado por tráfico de drogas. Após os procedimentos cabíveis, serão levados para a Cadeia Pública – foto: Mara Magalhãesdroga

Kaio da Silva Lima, 23, Matheus de Souza Santos, 20, Armando Fabar de Oliveira, 30, e Rosangela Cruz Carvalho, 38, foram presos na tarde deste sábado (12), com 50 quilos de drogas, avaliadas em mais de R$ 300 mil. A prisão ocorreu no porto de Manaus, no Centro da Cidade.

A quadrilha foi presa após uma denúncia anônima feita aos policiais militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), informando que uma grande quantidade de entorpecentes, vindos de Tabatinga, iriam chegar no porto de Manaus.

Os policiais ficaram de campana, quando observaram que uma mulher em carro de modelo Fiat Strada, chegou ao local e ficou parada como se estivesse esperando alguém.

No momento em que o barco recreio ‘Manoel Monteiro’ atracou no porto, os quatros homens saíram da embarcação com três malas e levaram o material para o táxi que os estava aguardando.

Os policias surpreenderam os suspeitos e, durante a abordagem dentro das malas, foram encontrados 50 quilos de drogas, cocaína e skank (a super maconha).De acordo com o aspirante da Rocam, Bruno Almeida, a droga veio de Tabatinga e estão avaliadas em R$ 330 mil.

O aspirante ainda informou que o Kaio faz parte da Facção criminosa Família do Norte (FDN) e que estava trazendo as drogas a mando do traficante Alan Castimario, o ‘ Nanico’, preso durante a operação “Lá Muralla’, deflagrada no mês passado pela Polícia Federal.

” Kaio faz parte da FDN e trouxe as drogas para Manaus a mando do ‘Nanico’. Ele ainda contratou Armando e Matheus somente para servirem de mula e ofereceu a quantia de R$ 1 mil para cada um. Até o momento, não sabemos para qual bairro os entorpecentes seriam levados, mas provavelmente iriam abastecer as áreas dominadas pela FDN”, disse o aspirante.

Conforme o delegado plantonista do 1º Distrito Integrando de Polícia (DIP), Daniel Bindá, o casal Auryson de Souza da Silva,25, e Jhoycyane Cruz Carvalho, 25, que está grávida, foi detido devido estar na companhia da quadrilha, mas será apenas ouvido e depois liberado.

“Eles foram detidos porque estavam perto do bando, mas não foi encontrado nenhum produto ilícito com eles. Serão ouvidos como testemunhas e depois liberados”, disse o delegado.

O quarteto foi autuado por tráfico de drogas. Após os procedimentos cabíveis, serão levados para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro da capital.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir