Dia a dia

Polícia diz estar empenhada em buscas por menina de 12 anos que sumiu em Manaus; suspeito já foi ouvido

No último dia 10, familiares e amigos da adolescente realizaram uma manifestação pedindo ajuda das autoridades competentes para encontrá-la - foto: divulgação

No último dia 10, familiares e amigos da adolescente realizaram uma manifestação pedindo ajuda das autoridades competentes para encontrá-la – foto: divulgação

A titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Criança e ao Adolescente (Depca), Juliana Tuma, informou na manhã desta quinta-feira (13), durante coletiva de imprensa, que a Policia Civil e a Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop) uniram forças para encontrar a adolescente Cinthya Gama Pereira, 12, que está desparecida desde do dia 5 deste mês.

A menina sumiu após sair da residência onde morava, por volta das 11h, para ir pegar seu irmão no colégio João Alberto de Menezes Braga, no bairro Vale do Sinai, Zona Norte de Manaus. Desde então não foi mais foi vista.

Conforme a delegada, desde do dia do desaparecimento da menina a equipe da especializada começou as buscas. As câmeras de segurança da escola onde a menina teria ido buscar o irmão e de um imóvel situado nas proximidades da unidade de ensino foram solicitadas pela policial. Entretanto, os equipamentos não estavam funcionando dia do fato.

Ainda conforme Juliana Tuma, nessa quarta-feira (12), a família da adolescente apontou um suspeito, identificado apenas como ‘Peixe’. O homem foi localizado e ouvido na sede da especializada e em seguida liberado.

“Estamos trabalhados dia e noite nesse caso. Todas as linhas de investigação estão sendo trabalhadas, não descartamos nenhuma possibilidade. O ‘Peixe’ foi ouvido, mas ainda não podemos divulgar nenhuma informação, o que podemos falar é que estamos bem avançados nas investigações. Acreditamos que ela ainda esteja em Manaus, pois no dia que foi registrado o desaparecimento, avisamos os aeroportos e os portos de Manaus”, disse a delegada.

O titular da Seaop, Orlando Amaral, informou que todos os Distritos Integrados de Polícia (DIP) da cidade estão em alerta e que a ordem do secretário de segurança do Amazonas, Sergio Fontes, é que as buscas só parem quando a menina for encontrada.

“Estamos dando apoio para a delegada. É um caso atípico que nós estamos enfrentando. Estamos fazendo muitas diligencias e vamos continuar atrás até darmos uma resposta para a sociedade, encontrado essa menina. Essa é a ordem do secretário de segurança”, falou Orlando Amaral.
Segundo Juliana Tuma, durante as investigações, a polícia traçou o perfil de Cinthya e concluiu que a menina é calma, estudiosa e que não apresentava um comportamento estranho.

Familiares

No último dia 10, familiares e amigos da adolescente realizaram uma manifestação na em frente ao colégio João Alberto de Menezes Braga, pedindo ajuda das autoridades competentes para encontrá-la.

De acordo com a mãe da adolescente, Cristiana Batista da Gama, uma criança teria falado para a mulher que viu um carro preto abordar a menina, quando uma pessoa teria tapado a boca de Cinthya e a colocado para dentro do veículo.

“Eu tenho cinco filhos e ela é mais velha, meu braço direito. Pedimos mais empenho por parte da polícia para encontrar minha filha, pois ela não é a primeira criança que desaparece em Manaus. Estamos desesperados”, disse a mãe durante a manifestação que reuniu parentes e amigos

Quem tiver informações que levem ao paradeiro da adolescente pode entrar em contato com a família pelos números (92) 99371-1432/99369-3072/99269-8608. Ou ainda pelo telefone da delegacia 3656-8575 e 3656-7445.

Mara Magalhães

Portal EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir