Sem categoria

PF inicia investigações sobre vazamento do PSC

a Polícia Federal atuará em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/AM) - foto: Diego Janatã

a Polícia Federal atuará em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/AM) – foto: Diego Janatã

O superintendente da Polícia Federal no Amazonas, delegado Marcelo Rezende, informou que a partir desta segunda-feira será instaurada uma investigação para identificar e penalizar o responsável pelo possível vazamento das provas do Processo Seletivo Contínuo (PSC) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), canceladas no último sábado (28).

“Ainda existem muitos espaços nas informações repassadas pela Ufam. Só tivemos acesso a um documento enviado pela reitoria, até o momento, no qual informava apenas a suspeita de vazamento. Após isso tentamos contato com a instituição, mas não obtivemos sucesso. Amanhã (hoje), vamos iniciar os processos para apurar o caso”, frisou Rezende.

Ainda de acordo com ele, a Polícia Federal atuará em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/AM), nas investigações que apontarão os responsáveis pelo suposto vazamento das provas, que seriam realizadas ontem, em Manaus e nos 61 municípios do Estado, conforme informações da instituição de ensino.

Por meio da assessoria de comunicação, a reitoria da Ufam informou que a data para a realização do novo processo, previsto para o início do próximo ano, será divulgada em breve. Conforme a universidade, ainda no último sábado, quando foi detectado o suposto vazamento pela coordenação do PSC, a reitoria solicitou à PF e a SSP que fosse aberta a investigação.

Segundo a Ufam, os órgãos de segurança recomendaram que a instituição evitasse falar sobre os detalhes que levaram a reitoria a suspender as provas, para não atrapalhar os procedimentos de investigações.

Por Gerson Freitas

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir