País

PF apreende Harley-Davidson em que Gabas levou Dilma para passear

Durante a Operação Custo Brasil, deflagrada nesta quinta (23), a Polícia Federal apreendeu duas motos Harley-Davidson na casa do ex-ministro Carlos Gabas, em Brasília.

Um dos veículos ganhou notoriedade nacional depois que Gabas levou a presidente Dilma Rousseff para dar um passeio na garupa pelas ruas da capital federal, em agosto de 2013.

Amigo da petista, Gabas comandou o ministério da Previdência e o da Secretaria da Aviação Civil. À época do tour de moto com a chefe na carona, ele ocupava a secretaria-executiva da Previdência.

Na ocasião, assessores de Dilma disseram que a presidente sempre comentava com seu auxiliar que um dia daria “umas voltas pela cidade” com ele em sua Harley-Davidson, uma das marcas mais cobiçadas do mercado. A petista chegou a tirar fotos sobre a moto.

As Harleys recolhidas nesta manhã deverão ser levadas para São Paulo, já que a “Custo Brasil” está sendo capitaneada pela Delegacia de Repressão a Corrupção e Crimes Financeiros da PF paulista.

Além de busca e apreensão, Gabas foi alvo de um mandado para prestar esclarecimentos à PF, mas reservou-se ao direito de não comparecer.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir