Dia a dia

PF-AM combate esquema de corrupção envolvendo servidores da Receita Federal

A Polícia Federal do Amazonas deflagrou na manhã desta quarta-feira (8), a Operação Morfeu, que visa desmontar o esquema de corrupção envolvendo empresários, despachantes aduaneiros e servidores da Receita Federal da capital.

A operação ocorre, simultaneamente, em Manaus, São Paulo e Santos, e visa cumprir 16 mandados judiciais, sendo 4 de busca e apreensão e 12 de condução coercitiva.

De acordo com a assessoria da PF em Manaus, as investigações levaram a um grupo de servidores da Receita Federal que recebia pagamento de propina, ou seja, bens e dinheiro de empresários e despachantes aduaneiros com objetivo de “agilizar” o desembaraço de mercadorias importadas de outros países, tanto na alfândega do aeroporto, como no posto da Receita Federal, localizada no Porto Chibatão.

A reportagem entrou em contato com assessoria da Infraero, que alegou não saber de nada.

Já o Porto Chibatão, citado na nota da PF, esclareceu através informou que “há um posto da Receita Federal, dentro do Terminal Portuário Chibatão, porque é obrigatório por Lei, mas desconhece qualquer operação ou investigação deflagrada pela Polícia Federal no local”.

Com informações das assesorias

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir