Sem categoria

Pedreiro foragido da Justiça rouba e mata idoso que o contratava em Itacoatiara

O pedreiro já tinha feito serviços para o idoso e sabia da quantia em dinheiro - foto: divulgação

O pedreiro já tinha feito serviços para o idoso e sabia da quantia em dinheiro – foto: divulgação

O pedreiro Emanoel Barros de Araújo, 38, foi preso por roubar R$ 850 de Antônio Trindade, 78, matar o idoso e depois enterrar o corpo. O crime ocorreu durante a tarde do último sábado (30) no bairro da Paz do município de Itacoatiara (distante 277 quilômetros da Capital), logo após a vítima sacar o dinheiro. O infrator já era foragido da Justiça e já prestado serviço para vítima como pedreiro.

Emanoel foi preso no bairro Jauari, em Itacoatiara, em uma quitinete onde Emanoel morava, na tarde deste domingo (31) por policiais civis lotados da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) do município. A polícia chegou até o suspeito por meio de denúncias anônimas.

De acordo com o delegado titular de Itacoatiara, Lázaro Santiago, depois de ser conduzido à delegacia, Emanoel confessou a autoria do delito. “O infrator confessou que matou pelo dinheiro e que já sabia que o idoso ia fazer o saque da aposentadoria. Após roubar a vítima e a enforcar com uma corda, ele ainda enterrou o corpo de Antônio para ocultar o crime. A quantia levada foi recuperada”, explicou o delegado.

Ainda na delegacia foi constatado que Emanoel era considerado foragido da Justiça desde o ano de 2013, quando foi expedido um mandado de prisão em nome dele. Emanoel já estava sendo procurado pelos crimes de homicídio e estupro, cometidos contra duas vítimas diferentes em Manaus.

Emanoel, que eventualmente realizava serviços como pedreiro na casa de Antônio, foi autuado em flagrante por latrocínio e ocultação de cadáver. Ao término dos procedimentos cabíveis o suspeito foi encaminhado para a unidade prisional de Itacoatiara.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir