Dia a dia

Pedreiro é preso por ameaçar ex-companheira de morte

O caso está sendo acompanhado pela Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) – fotos: arquivo EM TEMPO

Um pedreiro de 41 anos foi preso na manhã desta quarta-feira (22) após ameaçar de morte a ex-companheira, uma cabeleireira de 40 anos. O caso ocorreu na travessa Durami, comunidade União da Vitória, bairro Tarumã-Açu, Zona Norte.

Conforme a polícia, o suspeito já tinha uma medida protetiva contra ele, que o impedia se aproximar da cabeleireira.

Em depoimento, a vítima relatou que estava na residência dela, quando o pedreiro entrou no local pedindo para conversar. Ao expulsar o ex-companheiro do local, o pedreiro ficou agressivo e afirmou que mataria a cabeleireira e depois cometeria suicídio.

Ainda no depoimento à polícia, a vítima informou que foi casada 16 anos com o suspeito, mas depois de ser agredida fisicamente e verbalmente com frequência pelo pedreiro, se divorciou. Ainda de acordo com a vítima, o suspeito nunca aceitou o término e costuma persegui-la.

Policiais militares da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados pela vítima e efetuaram a prisão do pedreiro. Ele foi levado à Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (Deccm) onde foi autuado em flagrante por ameaça. De lá, o pedreiro foi encaminhado para audiência de custódia.

Ana Sena
EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir