Esportes

Pato elogia técnico e diz que pediu para mudar de posição

Pato mudou de posição após a chegada de Juan Carlos Osorio e passou a ter mais destaque com a camisa do São Paulo ao atuar aberto nas pontas. Nesta terça-feira (7), o atacante exaltou a nova função em campo e fez elogios à postura do treinador colombiano no comando do time.

“Quando o Osorio chegou, conversei com ele. Eu me senti bem de conversar com ele, perguntei se poderia jogar aberto pelas pontas. Ele foi super sincero comigo. E está dando essa oportunidade de jogar”, afirmou o camisa 11. Pato tem 13 gols em 30 jogos disputados em 2015.

Osorio chegou ao São Paulo há pouco mais de um mês e esteve à frente do time em seis partidas. Pato foi titular em quatro delas. No segundo jogo, contra o Palmeiras, deixou de atuar como centroavante para jogar na ponta esquerda, com Luis Fabiano na referência.

“Posso render mais aberto nas pontas. Onde eu posso usar minha velocidade, que é meu ponto forte, e ajudar na marcação. Não quer dizer que não possa jogar centralizado. Mas eu conversei com ele [Osorio], propus jogar aberto. Eu sei que posso jogar um bom futebol. Mas quem manda é ele e temos de respeitar”, disse Pato, que também elogiou o companheiro de ataque. “Luis [Fabiano] é o cara que está jogando, merece jogar”, disse.

Segundo Pato, o seu desempenho em campo cresce quando ele joga aberto nas pontas. Para o camisa 11, o fato está ligado às suas características físicas e técnicas, que dificultam uma atuação como centroavante.

“Quando eu surgi no Inter, jogava pela ponta. No Inter, no Milan, eu era o segundo [atacante]. Teve um período que o Berlusconi me disse para eu jogar de centroavante. Comecei a jogar ali, fui para a seleção com o Mano assim, mas não tenho porte físico como [camisa] nove, para ficar com a bola trombando. Minha função não é ficar parado, gosto de me movimentar, não sou um cara que segura a bola”, explicou.

Nos jogos contra Palmeiras e Atlético-PR, por exemplo, Pato fez grandes jogadas após deixar a ponta esquerda em direção ao meio. No clássico, driblou dois e mandou a bola na trave. Diante dos paranaenses, conclui para fora, rente à trave.

Pato ressaltou a importância de Osorio, apesar dos quatro jogos seguidos sem vitórias. “O jeito que ele está impondo é novo para o futebol brasileiro. E sei que vai contribuir cada vez mais. O jeito que ele joga é para frente, mas quem perde a bola também tem que marcar. Ganhamos alguns jogos, mas perdemos alguns jogadores fundamentais. E ele está recompondo. Aos poucos ele vai achar alternativas. Ele explica muito as funções. Estamos no caminho certo”, afirmou.

Para o atacante, o São Paulo ainda briga na parte de cima da tabela e ainda é um dos favoritos ao título do Brasileirão. “O campeonato até agora não tem nada decidido. Estamos a cinco pontos do primeiro. O São Paulo é candidato ao título. O objetivo é lá na frente”, finalizou.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir