Sem categoria

Partidas de futebol nas Olimpíadas já estão com 40% dos ingressos vendidos em Manaus

ingressos_COI_1

Da esquerda para a direita: Hélio Gesta, Mário Aufiero e Donovan Ferrati, comemoram a boa venda de ingressos em Manaus, e tem expectativa de casa cheia na Arena da Amazônia – foto: Divulgação/Assessoria

Pelo menos 40% dos ingressos disponíveis para as partidas de futebol dos jogos Olímpicos de 2016, na Arena da Amazônia, já foram vendidos. Desse total, 18% foram adquiridos por estrangeiros. Apesar do momento conturbado da economia brasileira, o Comitê Olímpico local espera ter a casa cheia em Manaus, que é um dos municípios onde, até o momento, mais ingressos para partidas de futebol foram vendidos.

Cerca de 120 mil ingressos foram disponibilizados para a Arena da Amazônia, que já foi palco de grandes espetáculos do futebol, como a copa do mundo de 2014, e partidas entre grandes clubes do Brasil.

O diretor de Ticketing do Comitê Olímpico Organizador dos Jogos Rio 2016, Donovan Ferrati, explica que os preços são inclusivos, dando condições para pessoas de diversas classes sociais terem a oportunidade de participar de um momento que ele classifica como histórico.

Ferrati conta que são ingressos acessíveis que dão direito a assistir duas partidas, e que podem ser parcelados em até 3 vezes sem juros.

No dia 4 de agosto, para os jogos entre as seleções masculinas da Suécia contra a Colômbia; e Nigéria contra o Japão, cada torcedor desembolsará de R$ 50 à R$ 100, e poderá aproveitar o espetáculo com duas partidas no mesmo dia, tendo início às 18h e terminado às 23h.

No dia 7 de agosto, com os mesmos valores e horários, os torcedores poderão acompanhar os jogos entre Suécia e Nigéria; Japão e Colômbia, na modalidade masculino.

As mulheres também dão as caras em Manaus e comandarão os gramados da Arena no dia 9 de agosto com os jogos das seleções femininas de Colômbia contra as multi campeãs olímpicas dos Estados Unidos; e das seleções femininas da África do Sul e Brasil, com a expectativas de ter representantes amazonenses com a camisa canarinho.

Para os jogos femininos, os preços vão de R$ 40 à R$ 70, e os ingressos dão direito a assistir as duas partidas, tendo início às 18h e terminando às 23h.

O grande apelo do futebol feminino no Amazonas tem sido um combustível para a compra dos ingressos. De acordo com Ferrati, as vendas estão dentro do esperado e com a chegada do evento, e a fama que as jogadoras do Estado tem, a procura será anda mais acelerada.

Quem prefere assistir os jogos de camarote pagará R$ 1.265 pelo ingresso individual e acompanhará todas as seis partidas que aconteceram em Manaus com direito a alimentação nos camarotes que tem capacidade para comportar entre 12 e dez pessoas.

Mesmo com a crise econômica podendo interferir na venda dos ingressos, a expectativa é de casa cheia, pois, de acordo com Ferrati, os preços foram pensados e adequados para esse momento que as cidades brasileiras enfrentam.

“É fácil adquirir a entrada. É só acessar o site rio2016.com/ingresso, selecionar o evento que quer assistir, colocar no carrinho e pronto, já pode vir para a festa. Quem preferir a bilheteria pode adquirir o ingresso no final de junho e o valor será exatamente o mesmo”, disse Donovan Ferrati salientando que os manauenses não podem perder os jogos desse ano, pois é o primeiro na América Latina.

Balanço geral

Do total que foi disponibilizado para todos os eventos das modalidades esportivas que fazem parte das olímpiadas, quatro milhões de ingressos já foram vendidos, representando 67%, restando cerca de dois milhões disponível para o público. Conforme um levantamento do Comitê Olímpico Organizador, os ingressos mais vendidos até o momento foram para os jogos de futebol, basquete, vôlei, atletismo e handebol.

Deficientes

Preocupados com a experiência de todos os amantes de esporte, os organizadores dos jogos disponibilizam um Call Center para deficientes (3004-2016). Nele, o portado de deficiência poderá ser atendido e ter o melhor lugar para acompanhar as partidas. “Através do Call Center vamos atender quem tem necessidades especiais, disponibilizar aos mesmos, o lugar que trará a melhor experiência dentro de um estádio de futebol”, avaliou Donovan Ferrati.

Por Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir