Sem categoria

Parlamentares assinam manifesto de apoio a José Melo

Onze dos 24 deputados estaduais, incluindo o presidente da Aleam, Josué Neto (PSD), apoiam o mandato do governador  - foto: Diego janatã

Onze dos 24 deputados estaduais, incluindo o presidente da Aleam, Josué Neto (PSD), apoiam o mandato do governador – foto: Diego janatã

Na tarde de ontem, onze dos 24 deputados estaduais se reuniram com o governador José Melo (Pros), na sede do governo, para manifestar apoio a manutenção do mandato do governador.

A reunião foi realizada dois dias após o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) cassar, por maioria dos votos, o mandato do governador e do vice-governador Henrique Oliveira (SDD) por compra de votos nas eleições, em 2014.

Os parlamentares entregaram um manifesto de apoio ao governador, assinado pelo líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), David Almeida (PSD), articulador da reunião.

O documento, intitulado de “Manifesto de Apoio” inicia com os parlamentares defendendo a democracia e a vontade popular expressada nas urnas. “A Base Aliada de apoio ao Governo na ALE-AM, movida na defesa dos intetesses do Estado do Amazonas e com a responsabilidade concedida pelo voto popular, manifesta apoio e solidaridade irrestrita ao Governador José Melo, consciente de que a maioria da população o conduziu de forma clara e transparente ao Governo do Estado, com uma diferença elástica e incontestável em relação ao segundo colocado”.

No manifesto, os parlamentares dizem ainda “entendemos que o govenador José Melo, eleito democraticamente, vem cumprindo com zelo e determinação a missão para a qual foi escolhido e para a qual necessita ter tranquilidade necessária para conduzir o Amazonas, de forma segura e equilibrada, conforme vem fazendo desde que assumiu o mandato”.

O manifesto diz ainda que a acusação contra Melo “revelam a motivação de perseguição política de quem não tem respeito pela decisão do voto popular”. Entre os apoiaram a assinatura do documento estão além do presidente da Aleam, Josué Neto (PSD); os deputados estaduais Belarmino Lins (PMDB); Bosco Saraiva (PSDB); Serafim Corrêa (PSB); Ferraz, Platiny Soares (PV); Carlos Alberto (PRB); Dr. Gomes (PSD); Cabo Maciel (PR); Orlando Cidade (PTN); Sabá Reis (PR); Adjuto Afonso (PP); Ricardo Nicolau (PSD); Francisco Souza (PSC); Dermilson Chagas (PDT); e Abdala Fraxe (PTN).

Pela manhã, o presidente da Aleam, Josué Neto, fez uma moção de apoio nas redes sociais. Ele postou uma foto com o governador José Melo seguida de um texto de apoio.“Participei da eleição do governador Melo, pedi voto junto com ele, perto dele e longe. Acompanhei tudo até o dia de hoje. Acredito na democracia, nas instituições democráticas e que a vontade popular será mantida. Por isso, estou escrevendo e publicando esse manifesto de apoio a um mandato que teve mais de 173 mil votos à frente de seu adversário. O Amazonas escolheu o Professor José Melo para ser governador. Isso deve ser respeitado”, disse Josué Neto nas redes sociais.

Com a confirmação da cassação do governador, Josué Neto pode assumir o Executivo.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir