Sem categoria

Parintins já tem sete bairros em situação de emergência por conta da cheia

Santa Clara, Itaquitinga, Palmares, Itaúna um, São Francisco e bairro da Castanheira já estão debaixo d’água, com cerca de 400 famílias necessitando de apoio humanitário – foto: Tadeu de Souza

Santa Clara, Itaquitinga, Palmares, Itaúna um, São Francisco e bairro da Castanheira já estão debaixo d’água, com cerca de 400 famílias necessitando de apoio humanitário – foto: Tadeu de Souza

Sete bairros já estão em situação de emergência em Parintins (a 369 quilômetros de Manaus) em virtude da cheia, segundo a Defesa Civil Municipal. A água da lagoa da Francesa, no bairro do mesmo nome, atingiu neste final de semana a avenida Amazonas, a principal da ilha.

Segundo a Defesa Civil Municipal, estão em situação crítica devido à enchente os bairros Santa Clara, Itaquitinga, Palmares, Itaúna um, São Francisco e bairro da Castanheira. Cerca de 400 famílias já necessitam de apoio humanitário nesses locais.

“Nas áreas de várzea, que geralmente ficam nas comunidades rurais, temos 1.500 famílias necessitando de remoção porque suas casas não têm condição de habitação”, assinala o coordenador da Defesa Civil, Jofre Lima.

Na manhã deste domingo (24), o prefeito de Parintins, Alexandre da Carbrás, convocou uma coletiva de imprensa na sede da madeireira Cemopar, onde apresentou cerca de 2.000 metros cúbicos de madeira adquiridos pela prefeitura para a construção de pontes pré-moldadas que serão fixadas a partir desta segunda (25) nos bairros atingidos pela enchente.

Vermelho e Azul

O prefeito disse que esse era um primeiro momento de ajuda às pessoas atingidas pela enchente.

“Nós já conversamos com a diretoria dos bumbás Garantido e Caprichoso e vamos, no dia 7 de junho, realizar no Tupyzão, um jogo beneficente entre o vermelho e azul, cuja renda será revestida para ajudar as famílias necessitadas”, afirmou Carbrás.

Ele informou ainda que, no último sábado pela manhã, assinou um decreto colocando o município em estado de emergência para poder receber ajuda humanitária dos governos federal e estadual.

De Parintins, por Tadeu de Souza (Jornal EM TEMPO)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir