Sem categoria

Parcelamento do 13º do INSS desagrada comércio em Manaus

Enquanto o Estado e o Município anteciparam o repasse integral da primeira parcela do 13º salário aos aposentados e pensionistas, o governo federal anunciou que a primeira parcela será dividia em duas, nos meses de setembro e outubro. A notícia desanimou os representes do comércio que esperavam o pagamento integral para reaquecer as vendas.

“Imaginávamos que em agosto, com o pagamento do 13º pelo governo federal, a economia poderia esquentar e iríamos encerrar o ano de outra maneira. De repente essa notícia de dividir é ruim. As pessoas estavam contando com o dinheiro para quitar as dívidas”, explicou o presidente da Câmara Dirigente dos Lojistas (CDL), Ralph Assayag.

Ele apontou que o segmento esperava um crescimento maior neste segundo semestre com a injeção do benefício no bolso dos trabalhadores. “O governo do Estado e da prefeitura repassaram, mas mal impactou a economia, porque não teve o federal. O repasse do governo federal tem valores maiores para mais pessoas. Agora temos que esperar, porque por enquanto estamos na mesma do ano passado, com um empate técnico”, analisou.

Somente na próxima semana, após a emissão do decreto oficial, será divulgada a quantidade beneficiários e o montante que a ser pago no Amazonas. De acordo com o Ministério da Previdência Social a primeira parte, da primeira parcela (25%) será paga de 24 de setembro a 7 de outubro. De 26 de outubro a 9 de novembro o ministério efetuará a segunda parte da primeira parcela (25%) . Por fim, a segunda parcela (50%) será depositada de 24 de novembro a 7 de dezembro.

A queda de arrecadação foi dada como justificada pelo governo para o adiamento da primeira parcela, que desde 2006 é pago no mês de agosto. Em todo país, o 13º será distribuído para R$ 28,2 milhões de aposentados e pensionistas. O repasse da primeira parcela, 50% do benefício, corresponde a cerca de R$ 15,9 bilhões.

Ao contrário da esfera Federal, o governo do Estado antecipou o pagamento da primeira parcela do beneficio (50%) para os dias 30 e 31 de julho, que era previsto para novembro. A segunda parcela (50%) esta agendada para os dias 14 de dezembro para pensionistas e 18 para aposentados.

De acordo com a Fundação Amazonprev, o pagamento da primeira parcela foi feito somente aos funcionários que optaram por receberem o benefício em duas parcelas. Quem optou por receber em uma parcela, receberá nos dias 14 e 18 de dezembro.

Na primeira parcela, o total de 6.477 aposentados do executivo estadual somou pagamentos na ordem de R$ 9,7 milhões, enquanto 68 aposentados do legislativo receberam no valor de R$ 190 mil, e 6.375 pensionistas custaram a folha recebimentos na ordem de R$10,9 milhões.

 

Por Ive Rylo

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir