Mundo

Papa Francisco pede que imigrantes mantenham esperança

O Papa Francisco pediu hoje (17) aos imigrantes que não lhes deixem roubar a esperança e a alegria de viver, durante a celebração do Angelus na Praça de São Pedro, em Roma.

Ao recordar que a Igreja Católica celebra a Jornada Mundial do Imigrante e do Refugiado, Francisco lembrou que “cada um tem uma história, uma cultura e valores valiosos que, com frequência, infelizmente também são experiências de miséria, opressão e medo”.

O pontífice falou a 7 mil imigrantes de 30 países residentes na região de Lazio – região que engloba Roma. Eles compareceram à Praça de São Pedro para celebrar a jornada do Ano Santo do Jubileu dos Migrantes.

“A vossa presença nesta praça é sinal da esperança de Deus. Não deixeis roubar esta esperança e alegria de viver que nascem da experiência da divina misericórdia”, acrescentou o Papa Francisco.

Também foi levada para São Pedro a cruz de Lampedusa, ilha no Mar Mediterrâneo pertencente à Itália que recebe grande fluxo de imigrantes. Feita com a madeira das barcas que levam os imigrantes até a Itália, a cruz foi benzida por Francisco durante a sua visita à ilha.

Depois do Angelus, os imigrantes participaram de uma missa na Basílica de São Pedro. A cerimônia foi celebrada pelo cardeal Antonio María Vegliò, presidente do Conselho Pontifício para os Migrantes e Itinerantes.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir