Esportes

Palmeiras vence e se classifica para as quartas do Paulista como 1º do grupo

Mesmo com uma equipe bastante desfalcada, o Palmeiras derrotou o Mogi Mirim por 2 a 1 na tarde deste domingo (10), no interior paulista, e confirmou a classificação na última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

Com o resultado, a equipe chegou aos 24 pontos, na liderança do Grupo B, e agora vai enfrentar o São Bernardo, que avançou na segunda colocação da chave, com 23.

O jogo válido pelas quartas de final do torneio será no Allianz Parque, mas a data e o horário ainda serão definidos pela Federação Paulista de Futebol nesta segunda.

Antes, no entanto, os palmeirenses terão o duelo decisivo na próxima quinta (14), em casa, contra o River Plate (URU) pela Libertadores. O time do técnico Cuca precisa vencer e ainda torcer por derrota do Rosario Central (ARG) diante do já classificado Nacional (URU).

Os gols de Alecsandro, ainda no primeiro tempo, e Lucas Barrios, já na etapa final, também decretaram o rebaixamento do Mogi Mirim, que descontou o placar com Lulinha em cobrança de pênalti antes do intervalo.

O jogo

Com a fragilidade do Mogi e a falta de entrosamento da desfalcada equipe do Palmeiras, o jogo foi muito fraco tecnicamente no primeiro tempo. As duas equipes erraram muitos passes, abusaram das faltas e não conseguiram criar muitas jogadas no campo de ataque.

Mesmo com os erros nos passes e as dificuldades na criação, o time alviverde teve mais posse de bola e presença ofensiva no jogo. Mas foi em um contra-ataque que os visitantes chegaram ao gol.

Aos 14min, Allione cruzou para Robinho, que chutou para bela defesa parcial do goleiro Mauro. No rebote, Alecsandro só empurrou a bola para gol vazio e abriu o placar.

Apesar do leve domínio territorial na partida, o Palmeiras sofreu para marcar os ataques em velocidade da equipe da casa. E, seis minutos depois, levou o empate em pênalti cometido por Matheus Sales em Roni e convertido por Lulinha.

A equipe alviverde voltou dos vestiários com Erik no lugar de Matheus Sales e, assim, ganhou mais mobilidade e velocidade no momento ofensivo.

Mas continuou sendo ameaçado nos contra-ataques dos donos da casa. Aos 18min, Gabriel Dias perdeu gol feito na pequena área depois de jogada individual de Lulinha.

Porém, foi outra substituição que o técnico Cuca fez que produziu mais efeito no time: Lucas Barrios na vaga de Rafael Marques.

Aos 19min, após cruzamento de Jean, o atacante paraguaio se antecipou à marcação do Mogi e, com um leve desvio, chutou a bola no canto e decretou os 2 a 1.

No fim, o Palmeiras recuou e optou por jogar somente nos contragolpes. Mas, produziu poucas chances de ampliar o placar até o apito final.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir