Esportes

Palmeiras vacila, empata com Rosario e vê vaga ficar difícil na Libertadores

Mesmo após ficar duas vezes na frente do placar, o Palmeiras não conseguiu segurar o resultado e, quando já estava com um jogador a menos, arrancou o empate por 3 a 3 contra o Rosario Central na noite desta quarta-feira (06), na Argentina, pela quinta rodada do Grupo 2 da Libertadores.

Com o resultado, o time alviverde ficou em situação muito complicada para conseguir a classificação à próxima fase do torneio. Isso porque os palmeirenses foram aos cinco pontos e ficaram a três dos argentinos e do Nacional (URU), que ainda joga contra o lanterna River Plate (URU) e já poderá assegurar matematicamente uma das vagas nesta quinta (07).

Gabriel Jesus fez dois gols e foi o grande destaque do Palmeiras, apesar da sua expulsão por agressão aos 27min do segundo tempo. Minutos depois, Lucas Barrios fez o terceiro do time e selou o empate, já que o Rosario vencia o jogo até então com gols de Donatti, Cervi e Marco Ruben.

Agora, o Palmeiras vai tentar a remota classificação na quinta-feira que vem (dia 14), quando recebe o River Plate (URU), no Allianz Parque, às 21h45. Antes, o time alviverde joga fora de casa diante do Mogi Mirim, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista, no próximo domingo (10).

O JOGO

Escalado com três zagueiros e somente Robinho como meia, o Palmeiras ganhou de presente do Rosario Central um gol logo aos 4min, o que ajudou o time alviverde a manter a proposta defensiva no restante da partida.
Após um recuo errado do volante Musto, Gabriel Jesus aproveitou o passe do adversário e, na saída do goleiro Sosa, chutou para abrir o placar na partida.

Depois, a equipe palmeirense recuou muito e atraiu demais os donos da casa para o seu campo de defesa. Para piorar, quando retomava a bola, o Palmeiras errava muitos passes e não conseguia nem contra-atacar.

Mesmo assim, as chances dos argentinos foram somente nas jogadas de bola parada. E assim saiu o empate, marcado pelo zagueiro Donatti em cobrança de falta aos 32min.

O time brasileiro respondeu na mesma moeda e conseguiu ir para os vestiários com a vitória parcial. Aos 44min, após uma cobrança de falta da intermediária ofensiva, Gabriel Jesus desviou de cabeça e marcou o seu segundo gol no confronto.
Uma bola na trave que o mesmo Gabriel Jesus acertaria logo no início do segundo tempo passou a impressão de que o Palmeiras teria uma postura diferente na partida. Mas não.

A equipe alviverde continuou com as linhas defensivas muito próximas ao goleiro Fernando Prass e permitiu ao Rosario ter total controle do jogo. O gol do meia Cervi, após uma cobrança de falta ensaiada aos 5min, era questão de tempo.

Cuca então tentou mudar o cenário com as entradas de Zé Roberto e Lucas Barrios, mas o gol de Marco Ruben em pênalti cometido pelo zagueiro Vitor Hugo aos 21min inibiu a melhora do Palmeiras até o apito final.

A expulsão de Gabriel Jesus, após agressão a um jogador do Rosario, deixou ainda pior a situação dos palmeirenses na partida.

Mas Lucas Barrios, aos 31min, aproveitou cobrança de falta, empatou o jogo e evitou a eliminação do time alviverde na penúltima rodada.

ROSARIO CENTRAL

Sosa; Salazar, Donatti, Pinola e Álvarez; Musto, Colman (Fernández), Cervi e Lo Celso; Herrera e Ruben. T.: Eduardo Coudet.

PALMEIRAS

Fernando Prass; Thiago Martins, Edu Dracena e Vitor Hugo; Jean, Matheus Sales, Gabriel (Lucas), Robinho (Zé Roberto) e Egídio; Gabriel Jesus e Alecsandro (Barrios). T.: Cuca.

Estádio: Gigante de Arroyito, em Rosario, na Argentina
Árbitro: Roddy Zambrano (EQU)
Auxiliares: Byron Romero e Cristian Lezcano (ambos do EQU)
Cartões amarelos: Sosa, Fernández, Musto e Pínola (RC); Gabriel, Barrios e Fernando Prass (P)
Cartão vermelho: Gabriel Jesus (P)
Gols: Donatti, Cervi e Ruben (RC); Gabriel Jesus (2) e Lucas Barrios (P)

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir