Dia a dia

Pai acusa médico de agressão em hospital da Zona leste

O autônomo Jotan da Silva Barros, procurou o EM TEMPO Online nesta quarta-feira (27), para denunciar a agressão, física e verbal, sofrida, na manhã de hoje, por um médico, ainda não identificado, que atua no Hospital Platão Araújo, Zona Leste de Manaus.

De acordo com a vítima, a filha, uma menina identificada como Rauriene, de oito anos de idade, sofreu queimaduras em um acidente doméstico com café e,  parte  do rosto e do braço direito foram atingidos. Ao questionar a demora no atendimento da filha, o pai relatou que um médico tratou mal a família e chegou a dar um empurrarão no autônomo.

O advogado da família agredida, Ismael Gonçalves, afirmou que seu cliente pretende mover  uma ação contra o médico. “Vamos fazer um Boletim de Ocorrência (B.O.) e entrar com processo por danos morais e agressão física”, disse Gonçalves.

Em nota, a direção do  Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo informou que “já determinou a rigorosa verificação dos fatos para apurar a conduta do profissional médico, a fim de adotar todas as medidas administrativas cabíveis”.

Ainda de acordo com a unidade hospitalar, a criança já foi atendida e tem queimaduras de segundo grau na face e no tórax. A menina encontra-se internada, acompanhada da mãe, recebendo toda a assistência necessária.

Com informações de Henderson Martins

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir