Dia a dia

Pacientes enfrentam calor dentro de UTI em hospital de Manaus

Pacientes do hospital estão reclamando do intenso calor- Arquivo AET

 

Pacientes da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e da enfermaria do hospital e pronto-socorro 28 de Agosto, localizado na avenida Mario Ypiranga, Zona Centro-Sul de Manaus, estão há quase uma semana vivendo no calor. Isso porque os condicionadores de ar das alas foram desligados sem qualquer aviso.

Segundo relatos de acompanhantes, a direção da unidade de saúde já tem conhecimento do problema, porém, até o momento não apresentou nenhuma solução ou se manifestou para informar quando os aparelhos voltarão a funcionar novamente.

Leia também: Mulher com bebê morto na barriga espera por cirurgia há dois dias em Manaus

Uma mulher que preferiu não ter o nome revelado, por medo de represálias ao seu parente que está internado na UTI do 28 de Agosto, informou que os últimos dias têm sido de transtornos, revolta e reclamações. De acordo com a acompanhante, para aliviar o forte calor, sentido principalmente por quem está deitado quase 24 horas em um leito hospitalar, familiares têm usado métodos convencionais para gerar ventilação.

A direção do hospital e pronto-socorro 28 de Agosto informou que está efetuando a troca de uma peça do condicionador de ar das enfermarias. O reparo foi necessário por conta do desgaste natural do equipamento.

A unidade informou ainda que fez um planejamento logístico para efetuar os reparos no equipamento. Realizada a adequada manutenção, o condicionador de ar da UTI voltou a funcionar normalmente.

Gerson Freitas
EM TEMPO

Leia mais: 

Tumulto no 28 de Agosto, após boato de assalto

PM troca tiros com assaltante em mercadinho no Petrópolis; os dois foram baleados

Ala cirúrgica de hospital em Manaus é inaugurada para realização de mais de 2,3 mil atendimentos

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir