Dia a dia

Órgãos do Estado discutem atuação integrada no 50º Festival Folclórico de Parintins

Órgãos do governo do Estado, das áreas de Segurança, Saúde, Cultura e trânsito discutiram nesta quinta-feira (21) sobre as ações integradas que serão desenvolvidas no 50º Festival de Parintins, que acontecerá nos próximos dias 26, 27 e 28 de junho.

A reunião foi realizada no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC-AM) da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) e contou com a participação de aproximadamente 20 órgãos.

Na área de segurança pública, cerca de 1.200 policiais Civis e Militares, além de Bombeiros e Agentes do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) irão atuar no município, segundo informou o secretário de Segurança Pública do Amazonas, Sérgio Fontes.

Ele destacou o modelo de integração dos órgãos que será aplicado na ‘Operação Parintins 2015’. “O Amazonas nos últimos anos tem melhorado o seu modelo de atuação integrada, o que garante o sucesso de uma operação como essa que será implementada em Parintins. Além da questão de segurança, existem as outras demandas da cidade que já estão sendo vistas pelos órgãos envolvidos na ação”, disse.

Sérgio Fontes disse ainda que, para as forças de segurança do Estado, o evento de Parintins também será como teste para o modelo de segurança que será empregado nos eventos dos jogos olímpicos em Manaus no próximo ano. “O governo tem toda preocupação de garantir uma festa segura para todos os visitantes e moradores”, afirmou.

O comandante da Polícia Militar na ‘Operação Parintins 2015’, coronel Cláudio Silva, destacou que todos os policiais que serão enviados para atuar no município passarão por treinamento e capacitação. “Os policiais irão reforçar o policiamento ostensivo em toda a cidade garantindo a segurança dos visitantes e atuando também de forma preventiva”, ressaltou.

De acordo com o secretário executivo adjunto de Planejamento e Gestão Integrada de Segurança da SSP-AM, coronel Dan Câmara, até o dia 20 de junho todo o sistema de Comando e Controle já estará montado na cidade.  Dan Câmara também ressaltou que as experiências de ações integradas trouxe mais maturidade para as Forças de Segurança e órgãos do Estado. “Tivemos como grande exemplo a Copa do Mundo que nos deu um modelo mais amplo de integração e agora temos novos desafios como os jogos olímpicos”, disse.

Com informações da assessoria de comunicação

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir