Sem categoria

Operação da SSP-AM apreende 28 motocicletas e ainda recaptura foragido da Justiça

Cerca de 28 motocicletas foram apreendidas durante a ação - foto: divulgação

Cerca de 28 motocicletas foram apreendidas durante a ação – foto: divulgação

O foragido da justiça, Renê Lima da Silva, 30, acabou sendo preso durante a operação ‘Choque de Ordem’, realizada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), por meio da Secretaria Executiva-Adjunta de Operações (Seaop), na manhã desta quarta-feira (27). O objetivo da ação é reduzir os casos de assaltos em paradas de ônibus e nos coletivos, em bairros da zona Leste, no horário de grande fluxo de passageiros. Ainda 28 motocicletas foram apreendidas.

O foragido da Justiça, Renê Lima da Silva, 30, que possui mandado de prisão expedido desde 2012, pelo crime de roubo, foi recapturado no bairro São José I, nas proximidades da quadra da escola de samba da Grande Família.

Durante as primeiras horas da manhã, nos pontos de maior incidência desses crimes, policiais realizaram barreiras fixas de fiscalização, com apoio do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran).

“Focamos nas motocicletas porque elas são o principal meio de transporte de quem pratica o ‘arrastão’ em paradas de ônibus. Para isso contamos com o apoio de agentes do Detran, na realização de fiscalização de documentos dos veículos e condutores”, explicou o secretário-executivo-adjunto de operações da SSP-AM, Orlando Amaral.

Foram registradas 40 autos de infrações, a maioria pela ausência de documento do veículo ou da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ao todo 28 motocicletas foram apreendidas, também por irregularidades na documentação, sendo uma delas com placas e chassi adulterados.

De acordo com Amaral, a ação foi realizada em caráter preventivo. “As áreas que percorremos são aquelas, que de acordo com levantamento da secretaria, possuem maior índice de assaltos nas proximidades das paradas de ônibus por meio dos chamados ‘arrastões’. O horário escolhido foi estratégico, pois sabemos que os criminosos costumam praticar esse tipo de crime nas primeiras horas da manhã. Período em que as pessoas estão na parada de ônibus para seguirem seus percursos”, explicou.

As equipes policiais percorreram, desde às 5h da manhã até por volta das 8h30, os bairros São José I, entrada do Armando Mendes, Zumbi, Castanheiras e realizaram incursões na comunidade São Lucas. Nas áreas foram montadas barreiras fixas para a realização de vistorias em veículos, principalmente motocicletas e pessoas.

Orlando Amaral informou ainda que outras edições da ‘Choque de Ordem’ devem ocorrer. “A operação será programada nos horários de maior incidência de crimes, geralmente a partir de 5h da manhã. Ela vai se estender as outras zonas da cidade, de acordo com os dados que apontarem o maior índice de criminalidade”, concluiu.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir