Dia a dia

‘Greve geral’ para T1 e passageiros são obrigados a caminhar até o trabalho

Motoristas pararam os ônibus por aproximadamente 20 minutos no T1 – Fotos: Márcio Melo

A manifestação intitulada “Greve Geral” parou o Terminal 1, na avenida Constantino Nery, no Centro de Manaus, na manhã desta sexta-feira (30). Dezenas de ônibus ficaram parados por aproximadamente 20 minutos devido a passeata organizada pelas Centrais Sindicais.

Aproximadamente 600 manisfestantes saíram em caminhada pelas ruas da área central da cidade, o que complicou o trânsito e a rotina de pessoas que seguiam para o trabalho. “Os motoristas dos ônibus abriram a porta e pediram para todo mundo descer que neles não iam continuar a viagem”, contou a assessora parlamentar Rose Aguiar, de 31 anos.

Passageiros foram obrigados a seguir a pé até seus destinos

A estudante de enfermagem Bela Lucia Matos, 45, resolveu caminhar do T1 até sua faculdade, na avenida Joaquim Nabuco. “Eles falaram que a partir das 10h tudo iria parar por conta da greve geral”, disse a estudante.

Policiais militares da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) acompanham a passeata para evitar qualquer tipo de tumulto. Até às 11h nenhuma confusão havia sido registrada.

Com informações de Henderson Martins

EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir