Esportes

Olimpíadas: Jogo do Japão em Manaus terá equipe médica japonesa

 

A Salvare também estará presente com uma ambulância para cada campo de treinamento - foto: divulgação

A Salvare também estará presente com uma ambulância para cada campo de treinamento – foto: divulgação

Dentro do padrão FIFA de futebol, a Salvare Ambulâncias e Home Care marcou um gol de placa nas Olimpíadas Rio 2016. Genuinamente amazonense, a empresa é a única do setor credenciada no Estado para acompanhar os jogos olímpicos a serem realizados na Arena da Amazônia nos dias 4, 7 e 9 de agosto e fechou uma parceria com o Consulado Japonês, colocando à disposição da Seleção Japonesa, uma equipe que fala a mesma língua.

Nas partidas de futebol masculino entre Nigéria x Japão (dia 4) e Japão x Colômbia (dia 7), a Salvare irá agregar a sua equipe uma enfermeira e um médico japoneses para atender à colônia na capital amazonense.

“Há uma série de exigências do Comitê Olímpico para os grandes eventos e a Salvare está dentro do padrão exigido pela FIFA por sua estrutura, capacitação e profissionais gabaritados, atendendo a todas as especificações exigidas. Quanto à equipe médica japonesa, havia uma necessidade do Consulado Japonês, que estava à procura de um parceiro, e a Salvare atendeu a essa demanda”, explicou o diretor-executivo da Salvare, Dílson Maciel.

Manaus receberá seis jogos divididos em três rodadas duplas – quatro pelo masculino e dois no feminino – e, para garantir atendimento médico aos atletas durante essas partidas, a Salvare irá dispor de um corpo formado por 40 profissionais, entre médicos, enfermeiros, técnicos, motoristas e coordenadores de área, além de sete ambulâncias no estádio, uma ambulância reserva e um furgão de apoio.

“A Salvare também irá montar um posto médico no estádio, em dias de jogos, com dez leitos, oito enfermarias e duas Unidades Intensivas de Tratamento (UTIs) com todos os equipamentos necessários”, reforçou Maciel.

O diretor-executivo informou, ainda, que durante os treinos das seleções, a Salvare também estará presente com uma ambulância para cada campo de treinamento, neste caso, três campos: estádio Ismael Benigno (Colina), o estádio Carlos Zamith, e o estádio do SESI.

Treinamento

Focada no profissionalismo para receber os Jogos Olímpicos em Manaus, a Salvare preparou os seus profissionais. Uma equipe formada por dez pessoas (sete de Manaus, dois de São Paulo e um de Brasília) participaram de um curso ministrado pelas Forças Armadas do SUS nos dias 11 e 14 de julho, na sede da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam). O curso “Artigos Químicos e Biológicos” abordou as formas de como proceder em situações de emergência, como tratamento, abordagem e prevenção. “O curso foi teórico e prático e teve palestrantes das Forças Armadas e do Samu (instrutores). Foram criadas situações nas quais os profissionais mostravam como agir em casos de emergência. O treinamento foi satisfatório à Salvare”, afirmou o diretor-executivo. Participaram do curso, além da Salvare, Vigilância Sanitária, Bombeiros, Samu, Exército, Marinha e Aeronáutica.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir