Dia a dia

‘No Madeira, Cacau é ouro’ dá ao EM TEMPO o segundo lugar em premiação nacional

Mario Adolfo contabiliza em sua carreira como jornalista cinco prêmios nacionais - foto: divulgação

Mario Adolfo contabiliza em sua carreira como jornalista cinco prêmios nacionais – foto: divulgação

O jornalista Mário Adolfo, diretor de redação do jornal e portal EM TEMPO, faturou nesta quarta-feira (31) a segunda colocação na 15ª edição do Prêmio de Jornalismo da Massey Ferguson, voltado ao agronegócio, realizada em Canoas, no Rio Grande do Sul. No total, 619 profissionais tiveram seus trabalhos inscritos para a premiação.

A matéria ‘No Madeira, Cacau é ouro’ foi produzida pelo diretor de redação em parceria com o repórter fotográfico Ricardo Oliveira, mostrando como é viver nas florestas do rio Madeira, no município de Novo Aripuanã (a 227 quilômetros de Manaus).

No material, mostrou que o fruto do cacau vinha sendo colhido no coração da maior floresta tropical do mundo e se tornando chocolate fino na Europa, depois de ser revendido para as cooperativas de Belém (PA) e Itacoatiara (AM), que beneficiam as amêndoas dos frutos para enviá-los à Alemanha, onde são ingredientes de chocolates que custam cerca de três euros por unidade (mais de R$ 8).

“Um prêmio direcionado ao agronegócio não é uma tradição no Amazonas. Então, ficar em segundo lugar é uma vitória”, disse Mário, ressaltando a importância do prêmio na divulgação da Amazônia.

A cerimônia de premiação foi apresentada por Simone Lazzari, da RBS, que comanda os programas ‘Campo e Lavoura’ e ‘Bom dia Rio Grande’.

Mario Adolfo contabiliza em sua carreira como jornalista cinco prêmios nacionais: dois Esso’s, um da Caixa Econômica Federal, um da Confederação Nacional da Indústria e uma menção honrosa no prêmio Ayrton Senna.

Por equipe EM TEMPO online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir