Sem categoria

No Amazonas, Rede Sustentabilidade se alia a PSB e Psol

Dirigentes do Rede, PSB e Psol selam aliança no Estado já vislumbrando uma coligação eleitoral, em 2016 – foto: Janailton Falcão

Dirigentes do Rede, PSB e Psol selam aliança no Estado já vislumbrando uma coligação eleitoral, em 2016 – foto: Janailton Falcão

O diretório da Rede Sustentabilidade, no Amazonas, decidiu, neste fim de semana, se aliar ao PSB e ao Psol para estudar e montar um novo programa de gestão para o Estado que pode resultar em uma coligação para as eleições, em 2016, de acordo com o porta-voz da Rede, Tarsius Fernandes.

A aliança foi aprovada durante a 2ª Convenção Estadual do Rede Sustentabilidade, realizada sábado e domingo (10 e 11), na Câmara Municipal de Manaus (CMM). “A Rede nasce no meio de uma crise política nacional. Sabemos que a coerência tem um preço caro a se pagar, mas sempre vamos manter nossa linha de pensamento”, disse Fernandes.

Na convenção, os 200 filiados ao partido político no Amazonas elegeram o ex-candidato a vice-governador de Manaus na chapa do então candidato ao governo, em 2014, Marcelo Ramos (PR), Júnior Brasil, e Camila Suzan como novos presidentes do Rede no Amazonas.

Os dirigentes do Rede informaram que no partido político a figura do presidente e vice-presidente é para cumprir as formalidades legais, sendo estes intitulados, entre os filiados, como porta-voz da legenda. Nacionalmente, o Rede Sustentabilidade é comandado pela ex-senadora Heloísa Helena. Ela deixou o Psol em setembro deste ano, após divergências com o partido.

De acordo com Tarsius Fernandes, o objetivo da reunião era definir os rumos do Rede no Amazonas e discutir o atual cenário político brasileiro. Segundo ele, a meta é criar, no mínimo, dez diretórios municipais no Amazonas. “Contamos com forças políticas na nossa mesa de abertura como Marcelo Serafim, Serafim Correa e Professor Queiroz. Isso mostrou que estamos dispostos a discutir com bons partidos. Queremos votar um programa que ajude a mudar Manaus”, disse o Tarsius.

O presidente de honra e estadual do PSB, respectivamente, o deputado estadual Serafim Corrêa e o vereador Marcelo Serafim, e o presidente do Psol, professor Queiroz, participaram da 2ª Convenção do Rede Sustentabilidade no Amazonas.

Questionado sobre a disputa eleitoral pela prefeitura de Manaus, em 2016, Tarsius disse que o partido político ainda não está discutindo candidaturas para as eleições. Mas, segundo ele, o Rede tem nomes como Júnior Brasil e o deputado estadual Luiz Castro aptos a disputar as eleições, em 2016.

Luiz Castro foi um dos principais articuladores do Rede no Amazonas, desde 2014, e, recentemente, trocou o PPS pela Rede. Entre os filiados, ele é o principal cotado para disputar a prefeitura de Manaus pelo partido político.

Por Thiago Fernando

1 Comment

1 Comment

  1. felipe

    16 de fevereiro de 2016 at 18:25

    Ao jornalista que escreveu a matéria, apenas uma correção, sempre se referir como A rede ou DA rede… No feminino mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir