Esportes

Nacional goleia Iranduba e mantém invencibilidade

Atacante Leonardo entrou no segundo tempo e anotou dois gols. Em ambos, ele comemorou com a tradicional flechada – foto: Raimundo Valentim

Atacante Leonardo entrou no segundo tempo e anotou dois gols. Em ambos, ele comemorou com a tradicional flechada – foto: Raimundo Valentim

Em noite iluminada do meio-campista Charles, o Nacional atropelou o Iranduba por 6 a 1 no estádio Carlos Zamith. Com o resultado, o Leão da Vila Municipal manteve os 100% de aproveitamento no Campeonato Amazonense 2015, aumentando a diferença de 10 para 11 pontos  em relação ao vice-líder Fast.

Os gols da goleada foram marcados por Charles, Leonardo e Felipe Manoel. Todos balançaram a rede duas vezes. O meia Kelve descontou para o Iranduba. No próximo domingo (3), ambas as equipes voltam a campo pelo Barezão. O Nacional faz o clássico da rodada contra o São Raimundo, enquanto o Iranduba enfrentará o Manaus FC.

Goleada
Confirmando o favoritismo, o Nacional abriu o marcador logo aos 18 minutos com o meia Charles. Mostrando oportunismo, o camisa 10 aproveitou rebote após finalização de Peter para balançar as redes.

Quatro minutos mais tarde, Charles marcou seu segundo gol na partida. A jogada começou com Peter na direita. O lateral cobrou falta lateral em direção na área. O cruzamento foi mal cortado pela zaga do Iranduba e a bola sobrou na meia lua para o meia. Acertando uma linda finalização, Charles colocou a bola no ângulo esquerdo de Alex, que ainda pulou, mas não conseguiu chegar.

A partir do gol, o Iranduba passou a tentar sair para o jogo. Aos 33 minutos, o Hulk da Amazônia conseguiu balançar as redes nacionalinas com Kelve. O meia recebeu dentro da área e acabou sendo derrubado após driblar Bruno Potiguar. O árbitro marcou pênalti, que o próprio camisa 11 cobrou e descontou para o Iranduba.

Na volta dos vestiários, Aderbal Lana decidiu modificar sua equipe. O treinador do Leão da Vila Municipal tirou os atacantes Jonatha Fumaça e Hyantony para colocar o atacante Leonardo e o volante Felipe Manoel. O meio-campista mostrou ser pé quente no primeiro minuto em campo. Após escanteio da esquerda, o volante Bruno Potiguar ajeitou de cabeca para Felipe que, de primeira, marcou o terceiro gol do Nacional no duelo.

Aos 22 minutos, a sorte sorriu para o Leão. Após boa jogada de Railson, o atacante Leonardo recebeu dentro na área e com muita calma, deu um toque por cima de Alex para ampliar o marcador.

Cinco minutos depois, o Índio Negro deu uma de garçom e serviu de calcanhar Felipe Manoel, que da marca do pênalti finalizou cruzado para fazer o quinto gol do Nacional no duelo.
Estava fácil furar a defesa do Iranduba. Aproveitando essa fragilidade, o Leão marcou aos 36 minutos seu sexto gol na partida.

A jogada começou na direita com Fininho. O camisa 8 achou Charles livre na entrada da área. Com espaço, o meia dominou e finalizou forte. A bola foi no meio da meta, porém, Alex bateu roupa e, no rebote, Leonardo completou para as redes.

Por Thiago Fernando (equipe Jornal EM TEMPO)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir