Sem categoria

Nacional enfrenta o Remo hoje, na Arena da Amazônia, para o clássico dos ‘leões’

A partida, decisiva para ambas as equipes,  acontece às 20H30,  na Arena da Amazônia – fotos: divulgação

A partida, decisiva para ambas as equipes, acontece às 20h30, na Arena da Amazônia – fotos: divulgação

O Nacional enfrenta o Remo-PA na noite desta segunda-feira (10), em Manaus, no intuito de voltar à ponta do grupo A1 da Série D do Campeonato Brasileiro. A partida, decisiva para ambas as equipes, acontece às 20h30, na Arena da Amazônia. O vencedor ficará mais próximo de garantir uma vaga na segunda fase da competição.

A novidade do Leão da Vila Municipal para o confronto é a volta do meia Charles, destaque do time na conquista do Campeonato Amazonense deste ano. Pelo lado do Remo, o técnico Cacaio definiu que o atacante Léo Paraíba começará a partida no comando de ataque junto com Whelton.

Pela primeira vez desde o começo da Série D, o técnico Aderbal Lana pôde trabalhar sua equipe durante um longo tempo. Por conta da folga na última rodada, o Nacional ficou 10 dias apenas se preparando para o confronto. Nesse período, o comandante testou várias formações. Entre elas, apostou, novamente, na dupla Danilo Rios e Charles para comandar o meio-campo do Leão da Vila Municipal. Porém, o DR10 se machucou durante a semana e virou dúvida para a partida.

Diante disso, Lana afirmou que só definirá a equipe titular minutos antes da bola rolar.
“Em mente, já temos uma equipe definida. No sábado, fizemos um treino mais específico para a parte defensiva. Vamos avaliar, porque o Danilo está vindo de uma lesão. Ele ainda está no departamento médico para saber se terá ou não condições de jogar. Vou conversar com os médicos para aí definir quais serão os dois responsáveis pela criação da equipe”, disse o treinador que ainda enfatizou o fato da equipe ter perdido apenas quatro partidas no ano.

“Perdemos apenas três partidas antes da Série D. Nossa equipe é acostumada a ganhar, ninguém vai se abater por causa de uma derrota. Isso é natural no futebol, ninguém é imbatível. O astral está bom e vamos entrar em campo para vencer a partida”, concluiu Lana.

Experiente, o goleiro Rodrigo Ramos afirmou que é imprescindível manter os 100% de aproveitamento em casa para conseguir a classificação.

“Precisamos mais do nunca da vitória. Vamos enfrentar o líder da chave em casa, uma equipe que tem tradição no cenário nacional, mas temos chances de sair com os três pontos. Jogando em casa, temos que buscar a vitória. Desde o Estadual, o nosso torcedor tem feito a diferença na arena. Foi assim contra o Princesa e Vilhena. Esperamos que a torcida compareça e nos empurre até o final”, finalizou Ramos.

Espião
O atacante Leo Paraíba disputou o Campeonato Amazonense pelo Princesa do Solimões e já atuou pelo Nacional. Mesmo conhecendo bem a equipe adversária, afirmou que a partida será difícil para o Remo.

“Joguei ano passado no Nacional, este ano joguei contra, sei um pouco como o Nacional joga, mas eu acho que é um jogo decisivo não só para nós como também para eles. Trabalhamos com o intuito da vitória. Sabemos que é difícil, mas nosso time vem trabalhando bem no decorrer desse campeonato para se classificar bem”, disse.

Por Thiago Fernando e Henderson Martins

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir