Esportes

Na volta de Jesus, Palmeiras vence Flu e mantém folga na liderança

Na volta do atacante Gabriel Jesus, que esteve na seleção brasileira durante a inédita conquista da medalha de ouro, o Palmeiras voltou a vencer no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Fluminense por 2 a 0 na tarde deste domingo (28), em Brasília, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Depois do empate diante da Ponte Preta na semana passada, o time alviverde conseguiu a sua 13ª vitória na competição com gols de Dudu e Jean ainda no primeiro tempo.

Já o camisa 33 palmeirense passou em branco no seu retorno da Olimpíada, apesar da boa movimentação no ataque.

Com o resultado, o Palmeiras chegou a 43 pontos e aumentou para três a vantagem para o agora vice-líder Flamengo. Antes desta rodada, a diferença entre o primeiro e segundo colocados era de dois pontos. Mas o Grêmio, no terceiro lugar, com 38, ainda tem um jogo a menos.

De quebra, a equipe paulista mostrou franca evolução ao completar o quinto jogo seguido sem derrota, sendo dois empates e três vitórias.

Agora, o time alviverde só voltará a campo no próximo dia 7 de setembro, quando recebe o São Paulo, no Allianz Parque. O clássico será às 21h45.

O JOGO

Mesmo fora de casa, o técnico Cuca manteve a proposta ofensiva do Palmeiras, com três atacantes, e foi melhor durante quase todo o primeiro tempo. Com jogadas em velocidade pelos lados do campo, o time alviverde conseguiu envolver a marcação adversária e teve muito mais presença ofensiva na partida.

O primeiro gol, no entanto, veio em uma jogada de bola parada. Aos 18min, após cobrança de falta de Jean da intermediária, o goleiro Diego Cavalieri saiu mal do gol e Dudu, em um chute acrobático, abriu o placar para o Palmeiras.

Não demorou para a equipe paulista ampliar o marcador. Aos 24min, após bate-rebate na grande área do Fluminense, a bola sobrou para Jean chutar de primeira da entrada da área e marcar um belo gol.

O time carioca tentou esboçar uma reação antes do intervalo, mas os visitantes se defenderam bem. Somente aos 30min, o goleiro Jaílson foi exigido e evitou gol certo de Wellington.

O Fluminense voltou dos vestiários com duas substituições e ficou mais ofensivo no segundo tempo. Em contrapartida, o Palmeiras teve mais espaços para os contra-ataques. Aos 15min, o volante Gabriel acertou a trave em chute de fora da área e quase fez o terceiro.

Depois, Cuca colocou Róger Guedes para dar ainda mais velocidade ao ataque alviverde. E, apesar do recuo nos minutos finais, os palmeirenses quase ampliaram aos 42min, quando Dudu chegou a driblar o goleiro adversário e ver o lateral Wellington Silva fazer o corte em cima da linha.

FLUMINENSE

Diego Cavalieri; Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Douglas (Marquinho), Cícero e Gustavo Scarpa (Danilinho); Wellington, Marcos Júnior e Henrique Dourado (Aquino). T.: Levir Culpi

PALMEIRAS

Jaílson; Jean, Mina, Vitor Hugo e Zé Roberto; Gabriel (Arouca) e Tchê Tchê; Erik (Roger Guedes), Moisés (Cleiton Xavier) e Dudu; Gabriel Jesus. T.: Cuca
Gols: Dudu, aos 18min, e Jean, aos 24min do 1º tempo
Cartões amarelo: Douglas, Wellington, Cícero e Marcos Júnior (F)/ Mina, Gabriel Jesus, Victor Hugo, Dudu e Danilinho (P)
Estádio: Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir