Sem categoria

Mulher que chefiava o tráfico no Colônia Terra Nova é assassinada com 26 facadas

O caso inicialmente foi registrado no 18º DIP, mas deverá ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) - foto: Ana Sena

O caso  será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) – foto: Ana Sena

Suely Nunes de Moraes, 49, foi encontrada morta, com 26 perfurações de arma branca pelo corpo, na manhã desta terça-feira (22), dentro da casa onde morava, localizada na rua Sataré Maué, bairro Colônia Terra Nova 1, Zona Norte de Manaus.

A polícia informou que o corpo foi encontrado por uma vizinha da vítima, que não teve o nome revelado, após a mulher ver o neto de Suely, de sete anos de idade, no final da rua todo sujo de sangue. A mulher teria pegado a criança e levado até a casa da vítima e, ao abrir a porta, se deparou com o corpo.

De acordo com a delegada titular do 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Rita Tenório, a vítima era considerada uma das ‘chefes’ do tráfico do bairro.

A delegada ainda informou que cinco homens são suspeitos de terem cometido o homicídio, sendo um deles identificado apenas como ‘Juquinha’.

“A casa estava toda revirada, mas não levaram nada do local. Trabalhamos com hipótese de acerto de contas, já que ela era traficante e comandava o tráfico nessa área. Na casa foi encontrada uma arma caseira, mas não foi usada no crime,” disse Rita Tenório.

O caso inicialmente foi registrado no 18º DIP, mas deverá ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Por Mara Magalhães com informações de Ana Sena

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir