Eleições 2016

MPE pede impugnação de candidatos a vereador, em Parintins

O promotor eleitoral de Parintins, Flávio Mota, pediu a impugnação das candidaturas à reeleição dos vereadores Juliano Santana (PDT) e Ray Cardoson (PMDB) - foto: Tadeu Souza

O promotor eleitoral de Parintins, Flávio Mota, pediu a impugnação das candidaturas à reeleição dos vereadores Juliano Santana (PDT) e Ray Cardoson (PMDB) – foto: Tadeu Souza

O promotor eleitoral de Parintins, Flávio Mota, pediu a impugnação das candidaturas à reeleição dos vereadores Juliano Santana (PDT) e Ray Cardoson (PMDB) e a candidatura à vereador Lourenço Castro, ex-diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).

O promotor disse que no caso do vereador Juliano Santana, o mesmo não teria concluído a sua prestação de contas em relação à campanha eleitoral de 2012, quando o mesmo foi candidato a deputado estadual. O vereador disse que seu advogado já encaminhou sua defesa mostrando que sua prestação de contas já está no Tribunal Regional Eleitoral.

Em relação ao vereador Ray Cardoso, o Ministério Público Eleitoral pediu sua impugnação por conta de uma prestação de contas que está pendente no Tribunal de Contas do Estado (TCE) relacionado ao convênio de nº 69/2009 firmado entre a extinta Liga Independente dos

Blocos (Libloc) e a Secretaria de Cultura do Estado. Na época, Cardoso era o presidente da Libloc.

O vereador declarou que já recorreu do pedido de impugnação e disse que até o presente momento não tem nada que o impeça de disputar a reeleição. “Eu sequer fui notificado sobre essa pendencia, não existe nada contra mim”.

O mesmo se aplica ao ex-diretor do Saae em Parintins, Lourenço Castro, candidato à vereador pelo PRTB, cujo nome figura em todas as listas de inelegíveis publicadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Castro tem contas reprovadas na Corte. Depois que os três apresentarem suas defesas o juiz eleitoral, Fábio Olinto de Souza terá três dias para o julgamento dos pedidos e respectivos recursos.

O técnico do Cartório Eleitoral, Marivaldo Chagas, confirmou ainda que a coligação “Pra fazer diferente”, liderada pela candidata do PMDB à prefeitura de Parintins, Márcia Baranda, entrou com um pedido de Impugnação contra a candidatura do deputado estadual, Bi Garcia (PSDB) que lidera a coligação “Pra Parintins voltar a avançar”.

Por Tadeu de Souza

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top