Cultura

Morre aos 43 anos ator e diretor do espetáculo ‘Nise da Silveira’

Daniel-Lobo

O velório será na Capela e Funerária Renascer, em Tubarão, a partir das 15h, e o enterro no cemitério municipal de São Ludgero, às 16h – foto: reprodução

 

Morreu na última quinta-feira (24), aos 43 anos, o ator e diretor teatral Daniel Lobo. Ele estava à frente do espetáculo “Nise da Silveira – Guerreira da Paz”, em cartaz no teatro do Masp desde janeiro.

Em depoimento à Folha de S.Paulo sobre a peça, ele falou da ligação espiritual com o teatro e com a história da psiquiatra alagoana. “Mais que um espetáculo, ‘Nise da Silveira – Guerreira da Paz’ é um evento espiritual. Sim, falo de religião, do latim ‘religare’. Acredito na ‘vida como obra de arte’, como diria Antonin Artaud. Arte consagrada no altar do coração, como um canal para a evocação do plano sutil, etéreo, curativo. O artista como um xamã”, escreveu.

A temporada no Masp foi interrompida há cerca de duas semanas devido ao estado de saúde do diretor e ator. “Após seis comoventes semanas de temporada no Masp, com o público crescendo a cada dia e a perspectiva de lá ficarmos por muito tempo, por motivos de saúde sinto-me na missão de interromper a caminhada. Foram dois anos de muita dedicação”, escreveu ele em seu Facebook na ocasião.

O velório será na Capela e Funerária Renascer, em Tubarão, a partir das 15h, e o enterro no cemitério municipal de São Ludgero, às 16h.

No espetáculo, que misturava teatro, música, dança e projeções, Daniel fazia uma homenagem a Nise e evocava acontecimentos que marcaram sua vida, como a amizade com Manuel Bandeira, a prisão no governo Getúlio Vargas e o poético encontro com os índios.

Com coreografia assinada por Ana Botafogo, a montagem encerra a Trilogia do Inconsciente, sobre a psiquiatra, que começou em 2012.

Daniel começou a carreira na infância, vivendo “O Menino do Dedo Verde” nos palcos e Pedrinho na primeira versão do “Sítio do Picapau Amarelo” na Globo, em 1986.

 

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir