Dia a dia

Moradores reclamam de ruas da Zona Leste tomadas por buracos

Buracos nas ruas do conjunto Vilar Câmara, na Zona Leste de Manaus, têm provocado reclamações por parte dos moradores – foto: Diego Janatã

Buracos nas ruas do conjunto Vilar Câmara, na Zona Leste de Manaus, têm provocado reclamações por parte dos moradores – foto: Diego Janatã

Desde fevereiro deste ano, motoristas que circulam no conjunto Vilar Câmara, no bairro Coroado, Zona Leste de Manaus, estão enfrentando problemas causados pelos buracos que se espalham pelas ruas do local. Devido ao período de chuvas, moradores e transeuntes se tornaram alvos de constantes “banhos de lama” acumulada nos buracos.

Morador do local há 30 anos, o autônomo Célio Figueiredo atribui o problema à má qualidade do material utilizado no revestimento do asfalto. “Além disso, podemos perceber que a estrutura interna da pista é oca”, explica. Segundo ele, a situação da rua 1 é a mais complicada, pois trata-se de uma via de acesso a uma escola particular, localizada na rua Samambaia, ao lado da casa dele.

Figueiredo diz que, atendendo a pedidos dos próprios moradores do conjunto, resolveu entrar em contato com a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminfh), no início de maio. “Os funcionários então sugeriram que a demanda fosse encaminhada ao chefe do Distrito de Obras da secretaria. Ele prometeu realizar os serviços de reparo, mas nada foi feito até hoje”, relata. Segundo Figueiredo, ruas de conjuntos residenciais próximos, como o Tiradentes e o Petros, receberam obras de recapeamento asfáltico nos últimos meses.

A advogada Maria de Fátima Maciel, que mora em frente à praça do conjunto, chama a atenção para a ausência de iluminação adequada no local. “Apenas quatro lâmpadas foram instaladas. Na semana passada, uma moradora foi assaltada, e o consumo de maconha ali é constante”, disse

A assessoria da Seminfh informou que o órgão deve iniciar a recuperação das ruas 1, 2 e 3 a partir de junho.

Buracos nas ruas do conjunto Vilar Câmara, na Zona Leste de Manaus, têm provocado reclamações por parte dos moradores – foto: Diego Janatã

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir