País

Ministério da Saúde começa Campanha Nacional de Doação de Sangue

Em 2014, cerca de 1 milhão de pessoas doaram sangue pela primeira vez – foto: Tomaz Silva/ABr

Em 2014, cerca de 1 milhão de pessoas doaram sangue pela primeira vez – foto: Tomaz Silva/ABr

Com o objetivo de sensibilizar novos doadores e fidelizar os já existentes, o Ministério da Saúde começa nesta quinta-feira (26) a Campanha Nacional de Doação de Sangue de 2015. Em 2014, cerca de 1 milhão de pessoas doaram sangue pela primeira vez, o que representa 38% do total de aproximadamente 2,6 milhões de doações registradas no ano.

Com o slogan “Doar sangue é compartilhar vida”, a campanha terá material veiculado em emissoras de rádio e televisão e nas redes sociais. No Brasil, pessoas entre 18 e 60 anos que tiverem mais de 50 quilos e estiverem em bom estado de saúde podem doar sangue. O candidato deve estar descansado, não pode ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação, não pode fumar e nem estar em jejum. É imprescindível levar documento de identidade com foto.

Também podem ser aceitos candidatos à doação de sangue com idade entre 16 e 17 anos, com o consentimento formal do responsável legal, e pessoas de 60 a 69 anos, se já tiverem doado antes dos 60. Quem teve diagnóstico de hepatite após os 11 anos de idade, mulheres grávidas ou amamentando não podem doar sangue.

Em 2013 e 2014, houve aumento de 5% nas coletas de bolsa de sangue no país, passando de 3,5 milhões para 3,7 milhões. Enquanto isso, as transfusões de sangue aumentaram 6,9%, passando de 3 milhões de procedimentos em 2013 para 3,3 milhões no ano passado.

No Brasil, a doação é voluntária e beneficia qualquer pessoa independentemente de parentesco com o doador. O sangue doado é essencial para os atendimentos de urgência, para a execução de cirurgias eletivas de grande porte e para o tratamento de pessoas com doenças crônicas, como falciforme e talassemia, e também para o tratamento de doenças oncológicas variadas que necessitam de transfusão frequentemente.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir