Dia a dia

Mercado Municipal Adolpho Lisboa terá novo sistema de coleta de resíduos

A ideia é melhorar o aspecto visual no interior do espaço para turistas e frequentadores – foto: divulgação

A ideia é melhorar o aspecto visual no interior do espaço para turistas e frequentadores – foto: divulgação

 

A partir desta segunda-feira (1°), o Mercado Municipal Adolpho Lisboa, no Centro, passará a contar com um novo sistema de coleta seletiva de resíduos sólidos. A ideia é melhorar o aspecto visual no interior do espaço para turistas e frequentadores, bem como ensinar aos permissionários a forma correta de separação dos resíduos, dando a estes a destinação adequada.

De acordo com o subsecretário municipal do Centro Histórico, Glauco Francesco, várias melhorias estão sendo trabalhadas no Mercado Municipal Adolpho Lisboa. Como exemplo, citou o novo sistema de gestão integrada, que vai funcionar em parceria com a Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo, Abastecimento, Feiras e Mercados (Semtef), que vai cuidar da fiscalização e da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), que vai cuidar da parte turística, devido à importância do mercado para a história da cidade.

“A implantação do novo sistema de coleta seletiva é um ingrediente a mais nessas mudanças. Queremos com isso, não só dar a destinação adequada para o lixo, mas, principalmente, permitir um ambiente visivelmente mais limpo e saudável para todos. Queremos tornar o mercado, referência em uso do patrimônio histórico da cidade”, disse o subsecretário municipal do Centro Histórico.

Inicialmente, o sistema vai funcionar em fase de testes por 15 dias. Passado o período de adaptação, as lixeiras externas serão retiradas e começa o trabalho de ampliação do estacionamento do mercado, em até oito vagas.

O sistema de coleta terá dois horários: às 10h e às 16h de segunda a sábado e às 10h aos domingos. Nesses horários, o carro coletor ficará parado durante 20 minutos na rua Tabelião Lessa, que passa ao lado do mercado e os permissionários irão até o caminhão, depositar o lixo que já deverá ser entregue devidamente separado: resíduos orgânicos em um recipiente e não recicláveis em outro recipiente.

Um fiscal da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) irá passar em todos os pavilhões, avisando da chegada do carro coletor. Todo o material reciclável será entregue pela comissão gestora do mercado, para o ponto de coleta seletiva que funciona na Rua Miranda Leão.

Atualmente, todo resíduo produzido pelos permissionários é depositado nas lixeiras existentes nos corredores dos pavilhões. A partir do início do novo sistema, esses recipientes serão destinados exclusivamente aos resíduos gerados pelos frequentadores do mercado.

Os permissionários já receberam orientações através da equipe de educadores ambientais da Semulsp sobre a forma correta de acondicionar o lixo e também sobre os horários de coleta.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir