Esportes

Meninos dão conta do recado, e Flamengo vence Bangu

Molecada to time rubro negro não decepcionou na última rodada e venceu com tranquilidade o Bangu. - Foto: Divulgação

Molecada do time rubro negro não decepcionou na última rodada e venceu com tranquilidade o Bangu. – Foto: Divulgação

Com um time repleto de novidades, o Flamengo contou com tarde inspirada de seus meninos -e de Alex Muralha, que defendeu um pênalti- para vencer o Bangu na tarde deste sábado (5), em Volta Redonda.Com gols de Felipe Vizeu (2) e Thiago Santos, o time comandado por Muricy encerrou a primeira fase do Estadual do Rio com uma vitória de 3 a 1, resultado que o coloca na liderança do grupo B.

O triunfo leva o Flamengo aos 19 pontos, mesma pontuação do Botafogo, que ainda joga neste domingo (6) contra o Boavista, fora de casa. Caso a equipe alvinegra seja derrotada, o time rubro-negro encerra a primeira fase na liderança da sua chave, já que leva vantagem no saldo de gols.

Também classificado antes mesmo do início do jogo, o terceiro colocado Bangu -que estacionou nos 11 pontos- pode acabar na quarta posição do grupo, caso o Fluminense -que soma dez- pelo menos empate com o América-RJ neste domingo. O jogo acontece no estádio Los Larios, em Xerém (RJ).

O Jogo

Já classificados, Flamengo e Bangu entraram em campo sem força máxima. A ideia era dar ritmo a alguns jogadores e, principalmente, testar algumas peças.

E no caso do time rubro-negro, o teste acabou sendo totalmente válido, já que dois pratas da casa iniciaram a reação do Fla, que saiu atrás no placar depois de César Martins falhar, Tiago Barreiros chutar cruzado e Muralha dar rebote, completado por William Amendoim, aos 26 min.
Foi então que as novidades do Flamengo começaram a aparecer. Éderson, em jogada individual pela esquerda, cruzou para o meio da área e André não segurou a bola; Vizeu aproveitou o rebote, tirou o goleiro e deixou tudo igual, aos 36 min.

Já nos acréscimos, foi a vez de outro menino, Thiago Santos, até então melhor em campo, deixar a sua marca. Ele recebeu de Pará, chutou de dentro da área e a bola explodiu na zaga, voltando para Pará, que mais uma vez tocou para Thiago; em nova tentativa de chute, a bola pegou na zaga, mudou de direção e enganou o goleiro André, que não conseguiu evitar o gol.

O Flamengo continuou achando espaços na defesa do Bangu na segunda etapa, e Canteros por pouco não ampliou aos 12 min, de receber bom passe de Thiago Santos e ficar cara a cara com André, que fez boa defesa em chute à queima-roupa.

Mas no lance seguinte, André voltou a falhar, e depois de chute forte de Chiquinho acabou espalmando a bola para o meio da área; novamente bem posicionado, Felipe Vizeu ficou com o rebote na segunda trave, pegou firme e fez 3 a 1 para o Fla.

O duelo estava tranquilo para o Fla até os 34 min, quando César Martins fez pênalti bobo e deu ao Bangu a chance de “colocar fogo” no jogo novamente. Mas Alex Muralha brilhou, defendeu o pênalti de Geraldo no canto direito e manteve o 3 a 1 no placar. Depois, foi só administrar o resultado e comemorar a vitória.

Flamengo

Alex Muralha; Pará, Léo Duarte, Cesar Martins e Chiquinho; Márcio Araújo e Canteros (Ronaldo); Thiago Santos, Ederson (Lucas Paquetá) e Gabriel; Felipe Vizeu
T.: Muricy Ramalho

Bangu

André Regly; Giovanni, Anderson Penna, Matheus Avelar e Guilherme; Dyeguinho, Luan Sérgio (Léo Garcia), Daniel e Magnum; William Amendoim (Igor de Paula) e Thiago Barreiros (Geraldo)
T.: Emanoel Sacramento

Estádio: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Árbitro: João Ennio Sobral
Cartões amarelos: Magnum e Geraldo (B)
Gols: William Amendoim (B), aos 26 min do 1º tempo; Felipe Vizeu (F), aos 36 min do 1º tempo; Thiago Santos (F), aos 46 min do 1º tempo; Felipe Vizeu (F), aos 13 min do 2º tempo.

Por Folha Press

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir