Holofotes

Meia Fred é flagrado em antidoping na Copa América

O meia Fred, do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, aguarda para esta terça-feira (28) a divulgação da contraprova do exame antidoping positivo feito por ele durante a Copa América do Chile, em junho, quando defendeu a seleção brasileira.

A informação foi divulgada inicialmente pelo site do canal Fox Sports e confirmado pela Folha de S.Paulo. Ele foi flagrado pelo uso da substância proibida hidroclorotiazida, um diurético usado normalmente para controle de doenças como hipertensão e insuficiência cardíaca.

A hidroclorotiazida é considerada doping por ser usada para mascarar outra substância ilegal que tenha sido usada.

A CBF informou que aguarda a notificação da Conmebol. A confederação sul-americana não se pronunciou sobre o assunto e Alexandre Lima, empresário do atleta, não foi encontrado para comentar o assunto.

Fred está na Turquia, onde participa da pré-temporada de seu time. Ele foi convocado para a Copa América como substituto de Luiz Gustavo, cortado devido a uma lesão.

E começou a Copa América como titular, atuando nas duas primeiras partidas, contra Peru e Colômbia. Depois perdeu a vaga para Philippe Coutinho.

Pelo regulamento antidoping da Copa América, dois jogadores por partida são convocados a realizar o exame de urina.

Mas na véspera do início da competição para o Brasil, em 13 de junho, a Conmebol fez uma visita surpresa na concentração da seleção, e fez exame em ao menos cinco jogadores – não foram divulgados os nomes dos atletas que realizaram o exame.

Segundo apurou a reportagem, Fred exigiu a contraprova.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir