Dia a dia

Marceneiro é vítima de latrocínio na Zona Norte de Manaus

Segundo informações de familiares, os suspeitos chegaram em uma moto, não identificada, pediram celular e dinheiro do idoso, que ao dizer que não tinha, levou cinco tiros um deles atingiu a cabeça. - foto: Asafe Augusto

Segundo informações de familiares, os suspeitos chegaram em uma moto, não identificada, pediram celular e dinheiro do idoso, que ao dizer que não tinha, levou cinco tiros um deles atingiu a cabeça. – foto: Asafe Augusto

O marceneiro João Batista Gomes, 52, foi vitima de latrocínio (roubo seguido de morte), na manhã dessa quinta feira (4). Segundo testemunhas, o homem estava indo comprar pão , quando foi abordado por dois homens na rua 27, no bairro Novo Aleixo, Zona Norte da capital.

De acordo com a polícia, João batista é ex-funcionário do presidente da Câmara Municipal Wilker Barreto. O vereador, que soube do ocorrido, está prestando auxílio à família.

Segundo informações de familiares, os suspeitos chegaram em uma moto, não identificada, pediram celular e dinheiro do idoso, que ao dizer que não tinha, levou cinco tiros um deles atingiu a cabeça.

A vitima ainda foi levada para o Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, na Zona Leste, às 6h30, mas foi a óbito minutos depois.

O genro da vítima, Tulio Campos, 32, disse que o marceneiro tinha apenas R$ 5 no bolso, dinheiro que ele estava levando para a padaria.

Um amigo da vitima, que preferiu não se identificar, comentou que os suspeitos abordaram João Batista o chamando pelo nome.

Vizinhos do marceneiro disseram que ele era evangélico e não aparentava ter inimigos.

Por Asafe Augusto (especial EM TEMPO Online)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir