Esportes

Marcelo Oliveira vê possibilidade de título e elogia trabalho de Oswaldo

Anunciado como novo treinador do Palmeiras na segunda-feira (15), Marcelo Oliveira elogiou o trabalho de seu antecessor, Oswaldo de Oliveira, demitido há uma semana, e afirmou que o clube tem condições de brigar pelo título do Campeonato Brasileiro.

O treinador é o atual bicampeão da competição. Ele foi campeão com o Cruzeiro em 2013 e 2014.

“O Palmeiras tem um elenco muito bem montado pelo Alexandre Mattos. São jogadores de qualidade semelhante e de características diferentes, o que facilita bastante. O meu antecessor deixou um trabalho bom, pois eu o conheço bem, e vamos dar sequência e criar novos objetivos”, disse Marcelo Oliveira em entrevista ao site oficial da equipe alviverde.

“Ser tricampeão nacional é um objetivo. Estou em um clube com tradição, com estrutura, com um bom elenco e camisa e isso é possível. Claro que é difícil, como foi no Cruzeiro, mas fica possível à medida que o trabalho se concretize e evolua. Existe um horizonte bem aberto à nossa frente”, acrescentou o treinador, que já trabalhou com quatro jogadores do atual elenco: o goleiro Fernando Prass, o lateral esquerdo Egídio, o meia Robinho e o atacante Alecsandro.

O treinador, que trabalhará pela primeira vez em São Paulo -já dirigiu o CRB, Atlético-MG, Ipatinga, Paraná, Coritiba e Vasco, além do Cruzeiro-, vê a torcida palmeirense como uma aliada na luta por títulos.

“Se ela for parceira do time, o clube tem muito mais possibilidade de obter vitorias e conquistas. Se ela cobra, cabe a nós todos trabalhar cada vez mais para retribuir esse apoio fazendo um jogo forte, competitivo e de boa qualidade. O time dentro de campo leva a torcida também. Não existe um cenário melhor, pois temos um estádio novo e confortável e uma torcida vibrante e numerosa. Esse conjunto vai nos levar a grandes resultados”, completou.

Marcelo Oliveira será apresentado oficialmente nesta terça-feira (16) e fará sua estreia no sábado (20), quando o Palmeiras visita o Grêmio.

 

Por Folha Press

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir