Sem categoria

Manaus ocupa penúltima posição em IDH entre 20 cidades pesquisadas

Enquanto São Paulo, com o melhor IDH, apresenta 0,794 pontos, Manaus, em penúltimo, aparece com apenas com 0,720 pontos - foto: Ione Moreno/EM TEMPO

Enquanto São Paulo, com o melhor IDH, apresenta 0,794 pontos, Manaus, em penúltimo, aparece com apenas com 0,720 pontos – foto: Ione Moreno/EM TEMPO

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNDU) e o Instituto de Pesquisas aplicadas (Ipea) divulgaram nesta quarta-feira (1) uma lista de 20 cidades que ocupam os melhores e piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH), ficando Manaus em penúltima colocação entre as capitais pesquisadas.

De acordo com o Atlas, Maceió, Manaus e Belém (as ultimas da região norte), essas capitais tem os mais baixos indicadores de saúde, educação e renda das capitais pesquisadas, em uma escala de 0 a 10. A pesquisa leva em conta o levantamento feito nos censos entre os anos de 2000 a 2010, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Enquanto São Paulo, com o melhor IDH, apresenta 0,794 pontos, Manaus, em penúltimo, aparece com apenas com 0,720 pontos. O IDHM, composto por números sobre renda per capita, educação e expectativa de vida/longevidade, vai de 0 a 1, sendo 0 pior e 1 melhor.

O Atlas do Desenvolvimento Humano nas Regiões Metropolitanas Brasileiras é uma base de dados com mais de 200 indicadores sobre renda, educação, demografia, trabalho, habitação e vulnerabilidade para Unidades de Desenvolvimento Humano (UDHs).

Entre as cidades que estão entre as primeiras da lista estão São Paulo, em primeiro, Campinas (SP), em segundo, e o Distrito Federal em terceiro lugar.

Região Metropolitana

A região metropolitana de Manaus é composta por outras sete cidades. Além da própria capital, Careiro da Várzea, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Novo Airão, Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva, fecham a lista das cidades da Região Metropolitana.

 

Por Stênio Urbano Jornal EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir