Dia a dia

Manaus monta estratégias para combater zika vírus e o Aedes aegypti

 

 - foto: arquivo/ Agência Brasil

Para proteger a população de um possível surto da doença, Manaus já começa a montar suas estratégias de combate ao Aedes aegypti.- foto: arquivo/ Agência Brasil

O Ministério da Saúde confirmou, no último sábado (28) a relação entre o zika vírus e o surto de microcefalia na Região Nordeste do País. Para proteger a população de um possível surto da doença, Manaus já começa a montar suas estratégias de combate ao Aedes aegypti.

O reforço das ações contra o mosquito transmissor da dengue, responsável também pela transmissão da febre chikungunya e do zika vírus, foi anunciado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto, nesta segunda-feira (30) durante a reinauguração da UBS Josephina de Mello, que fica na terceira etapa do bairro Jorge Teixeira, na zona Leste da capital.

 

Segundo o prefeito, Estado e Município unirão esforços para reduzir ainda mais a incidência do Aedes aegypti na cidade, além de adotarem outras medidas de prevenção e combate ao zika vírus. “Possivelmente, amanhã (terça-feira, 1º de dezembro), o governador José Melo, e eu, deveremos ter uma conversa com a imprensa para anunciar um plano de ação muito forte contra o avanço do mosquito transmissor na capital”, divulgou.

 

Ainda de acordo com o Arthur Neto, o plano é resultado de uma reunião entre os técnicos de saúde do Governo e da Prefeitura. O foco é preparar a cidade para um possível surto do zika vírus e dos casos de microcefalia. “É uma enfermidade que inutiliza quem for vítima da capacidade de fazer o mal desse vírus e precisamos proteger a população, sobretudo, as nossas gestantes”, destacou. “Da minha parte, tenho a experiência de ter atuado contra a cólera, ainda nos anos 90, e da mesma forma que conseguimos evitar muitas mortes, naquela época, vamos também ganhar essa batalha e derrotar o zika vírus”, concluiu o prefeito.

 

Em nota, o Ministério da Saúde informou que “essa é uma situação inédita na pesquisa científica mundial. As investigações sobre o tema devem continuar para esclarecer questões como a transmissão desse agente, a sua atuação no organismo humano, a infecção do feto e período de maior vulnerabilidade para a gestante. Em análise inicial, o risco está associado aos primeiros três meses de gravidez”.

 

UBS renovada

 

A UBS Josephina de Mello foi totalmente renovada, ampliando também a oferta de novos serviços. Essa é a 34ª Unidade Básica de Saúde entregue pela atual gestão, entre reformas, ampliações e construções de novas unidades. O espaço, localizado à rua Cupiúba, no 232, próximo à Escola Municipal Themístocles Gadelha, irá funcionar de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30.

 

“Antes não tínhamos sala para coleta de exames e muitos pacientes deixavam de continuar com suas consultas, porque não tinham condições para pagar ônibus e ir para outra unidade fazer essa coleta. Agora ganhamos o serviço de 20 coletas diárias, facilitando e melhorando o nosso atendimento”, disse Edinilda Corrêa Santos, diretora da UBS Josephina de Mello.

A estrutura se soma a outras seis UBSs existentes no Jorge Teixeira, aumentando a cobertura naquela zona da cidade. Serão 21 agentes comunitários de saúde, seis técnicos em enfermagem, três enfermeiros e três médicos. Esses profissionais vão atender a população com diversos serviços como consultas médica, odontológica e de enfermagem; vacinação; administração e dispensação de medicamentos; aferição de pressão arterial; curativo; nebulização; coleta de material para análise; exame citopatológico; inspeção da mama; além de atividades de promoção e proteção à saúde.

 

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir