Sem categoria

Manaus Ambiental dá descontos de até 90% para consumidores regularizarem conta de água

Em visita ao EM TEMPO, além de falar da campanha, o diretor comercial da empresa disse que atualmente seis mil famílias manauenses contam com a tarifa social - foto: Ione Moreno

Em visita ao EM TEMPO, além de falar da campanha, o diretor comercial da empresa disse que atualmente seis mil famílias manauenses contam com a tarifa social – foto: Ione Moreno

Com a expectativa de diminuir de 23% para 12% a média de inadimplência sobre as faturas de água na cidade, a Manaus Ambiental encerra no próximo dia 31 a campanha de regularização do mês das mães. Segundo o diretor comercial da empresa, Guido Fongalland, o consumidor inadimplente tem a chance de se ajustar e não correr o risco de corte da distribuição, com a negociação que permite parcelamentos de até 36 vezes, isenção de juros e multa e até mesmo desconto que vão de 10% a 90%.

De acordo com Fongalland, nos três últimos meses a inadimplência vem num crescente de 16% em fevereiro, 19% em março, com pico no mês de abril de 23%. Os atrasos no pagamento das faturas de água, por parte dos consumidores, geram uma perda mensal de, aproximadamente, R$ 8 milhões à concessionária. “Escolhemos o mês das mães porque elas estão cada vez mais tomando as decisões sobre os custos da casa. Sabemos que o caminho é longo por conta do momento crítico, mas com ajustes vamos conseguir”, disse.

O diretor explicou que até o ano passado, as famílias estavam acumulando até duas contas para pagar uma e não sofrer o corte da distribuição. Com o agravamento da crise e os altos índices de desemprego, o volume de acúmulo das contas de águas aumentou, bem como ocorreu com as de energia elétrica.

Nacionalmente, conforme dados do Serasa Experian, as contas atrasadas de água, luz e gás representaram, no mês de março deste ano, 17,9% dos R$ 239 milhões de inadimplência do país. Foi a mais alta participação alcançada pelo segmento desde junho de 2014, quando o levantamento passou a ser feito pela Serasa. Em março do ano passado, as dívidas somavam 15,1% do montante. O segmento foi o segundo do ranking, perdendo apenas para as dívidas com bancos e cartões de crédito.

Em visita ao EM TEMPO, além de falar da campanha, o diretor comercial da empresa disse que atualmente seis mil famílias manauenses contam com a tarifa social. Segundo Fongalland, a empresa tem como meta chegar a 10 mil famílias incluídas na tarifa social. “Estamos com trabalho nas ruas, fazendo levantamento social para chegar a esse número ainda neste ano”, afirmou o diretor comercial.

Por Emerson Quaresma

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir