Dia a dia

Manauenses fazem protesto ‘Fora Temer’ no Largo de São Sebastião

Manifestantes se concentraram no Centro – Divulgação/Manaustrans

No final da tarde desta quinta-feira (18), histórica na política nacional, manifestantes manauenses, que são contra o governo de Michel Temer, se concentraram desde às 16h no Largo São Sebastião, no Centro da capital amazonense, para mostrar a indignação ao político que anunciou que não renunciará à Presidência da República. Temer foi flagrado dando aval para a compra de silêncio de Eduardo Cunha em um áudio divulgado durante delação premiada dos donos do grupo JBS.

A manifestação teve a participação de duas frentes de movimentos em Manaus, a do ‘Fora Temer’ e das Centrais Sindicais. O professor de história e membro da organização do ‘Fora Temer’ na capital amazonense, Jonas Araújo, informou que  mais ou menos 250 pessoas participaram do manifesto no largo. Ele afirma que o objetivo da manifestação é fortalecer a queda do presidente Michel Temer.

“Esperávamos a renúncia do Temer, mas ele não fez. Agora vamos nos renuir novamente amanhã, numa plenária, para discutir os próximos passos para greve geral do dia 24”, disse.

De acordo com policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária(Cicom), havia aproximadamente 100 manifestantes no local e a movimentação foi tranquila e pacífica. Não houve nenhuma ocorrência.

Segundo a assessoria do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), o órgão não precisou intervir ou desviar o trânsito naquela área do Centro, já que havia poucas pessoas no local.

Manifestações no Brasil

Nesta quinta-feira também ocorreram diversas manifestações em outros locais do Brasil, entre eles em Brasília, São Paulo e Curitiba.

Em Brasília, a manifestação começou na rodoviária do Plano Piloto da capital e já chega perto do Congresso. O clima é pacífico e os manifestantes gritam palavras de ordem como “se empurrar o Temer cai” e “Diretas já” . Ainda não há estimativa oficial de público ou da organização.

Já em Curitiba, mesmo com frio e a chuva, os manifestantes continuam firmes. Por volta das 19h, cerca de cem pessoas se reuniam na praça Santos Andrade, no Centro, pedindo “Fora, Temer” e “Diretas já”.

Bruna Chagas

EM TEMPO

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir