Dia a dia

Major da PM é preso por confusão após agredir agente de portaria em condomínio, na Zona Centro-Sul

O caso foi registrado no 12° Distrito Integrado de Polícia (DIP) - foto: divulgação

O caso foi registrado no 12° Distrito Integrado de Polícia (DIP) – foto: divulgação

O major da Polícia Militar (PM), Renildo Limongi Moura, 39, foi preso por equipes do 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), nesse domingo (22), após tentar invadir e agredir um agente de portaria do condomínio de classe média alta, Juliana 3 – etapa 2, localizado na rua Diamantina, bairro Flores, Zona Centro-Sul, próximo ao Centro de Atenção Integral à Criança (Caic) Afrânio Soares. Ele foi solto após pagar fiança.

De acordo com Boletim de Ocorrência (BO), o policial militar, que estava embriagado, chegou a quebrar uma das cancelas que dão acesso ao condomínio. “Ele não mora no condomínio e nem conhece ninguém de lá, apenas chegou na portaria e ordenou que o porteiro abrisse a cancela, foi quando o agente de portaria interviu e acabou sendo agredido”, disse um policial civil que não quis ter a identidade revelada.

Major Limongi dirigia um veículo modelo Citroën C5 prata, de placas JXV-1832 quando tentou entrar no condomínio. Na delegacia, o delegado solicitou que o major realizasse o exame de bafômetro, mas como o equipamento estava quebrado, o plantonista do 12º DIP, Daniel de Souza Bindá, pediu que o envolvido fosse encaminhado para a sede do Instituto Médico Legal (IML) para a realização do exame toxicológico. Após o exame, o policial militar pagou fiança e foi liberado em seguida.

O síndico, identificado como Érico, se recusou a dar detalhes sobre o ocorrido, no entanto, a equipe de reportagem encontrou parte da cancela quebrada no local. O AGORA também tentou contato com Renildo Limongi, por meio do telefone 99xxx-1315.

Por Luís Henrique

1 Comment

1 Comment

  1. Orlandino de Oliveira Lopes

    23 de maio de 2016 at 17:04

    COMANDANTE DA P.M. PRENDE ESSE MAJOR MAU CARATER PARA DAR BM EXEMPLO A SOCIEDADE OU PUNIÇÃO SEVERA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir