Sem categoria

Mais uma criança morre ao cair em igarapé de Manaus, durante a chuva

O pai da criança, que não teve o nome revelado, ficou muito abalado - foto: divulgação/bombeiros

O pai da criança, que não teve o nome revelado, ficou muito abalado – foto: divulgação/bombeiros

Um menino, identificado como Guilherme Guerreiro, de 7 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (5), ao cair no igarapé Sapolândia, localizado entre a rua 8 e 9, no bairro Alvorada 2, Zona Centro-Oeste de Manaus. Após buscas, o corpo da criança foi encontrado nas proximidades da Delegacia Geral, também na Zona Centro-Oeste.

A criança foi encontrada boiando no igarapé por um morador do bairro, identificado como Pedro Marcos Ribeiro, 47. Segundo o homem, não é a primeira vez que um corpo é encontrado no local.

Vizinhos do menino disseram à polícia, que ele saiu da casa para ir ao restaurante do pai entregar um dinheiro. No trajeto, ele passou próximo à margem do igarapé, se desequilibrou e caiu dentro do córrego. Chovia muito no momento do acidente. O pai da criança, Djalma Guerreiro, esteve no local, mas preferiu não comentar sobre o fato, pois estava muito abalado.

Conforme os moradores, toda vez que chove o nível do igarapé Sapolândia aumenta, elevando o risco de acidentes.

“Fizemos o acompanhamento do ponto de onde a criança caiu, montamos uma equipe e fomos fazendo buscas desde o local de onde ele caiu. Como a correnteza estava muito forte, pegamos uma lancha, no Porto do São Raimundo e retomamos as buscas desde lá, com 6 viaturas, um bote e em torno de 25 bombeiros. A distância de onde ele caiu para onde foi achado é em torno mais ou menos de 10 quilômetros”, disse o tenente João Filho do Corpo de Bombeiros.

O corpo da criança foi levado pelos bombeiros para o Instituto Médico Legal (IML).

Outro caso

No dia 24 do mês passado, o menino André Pereira, de 6 anos, também foi encontrado morto, após cair em bueiro, enquanto jogava futebol com o pai, na avenida Penetração, bairro Amazonino Mendes (Mutirão), na Zona Norte de Manaus. O corpo dele foi encontrado no Igarapé do Mindú, bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul, após três dias de buscas.

Mesmo após ter sido encontrado, o corpo do menino ainda não foi liberado do IML, pois ele não possuía certidão de nascimento, documento exigido pelo órgão.

Por Mara Magalhães

1 Comment

1 Comment

  1. Petronio França da Silva

    5 de maio de 2016 at 13:39

    Só uma correção. Quando vocês dizem que caiu no igarapé, os dois caíram no bueiro e porque caíram no bueiro? Porque praticamente todos os bueiros da cidade de Manaus estão aberto a merce de não só crianças e sim adultos ou idosos. Li a algumas semanas atras que a policia iria indiciar o pai da criança que caiu no bueiro no Mutirão e porque não indicia a Prefeitura, a causa desses bueiros estarem abertos é a falta de fiscalização dos Órgão Municipais “competentes”, mas esse ano é ano politico e ai virão alguns deles prometendo o paraíso para a população. Isso vocês não escrevem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir