Sem categoria

Mais de 300 quilos de pescado ilegal são apreendidos em terminal da Panair, no Educandos

O material apreendido será doado para instituições de caridade - foto: divulgação

O material apreendido será doado para instituições de caridade – foto: divulgação

Aproximadamente 300 quilos de pescado ilegal foram apreendidos na noite dessa terça-feira (24) pelo Batalhão Ambiental da Polícia Militar do Amazonas (BPAmb), no terminal pesqueiro da Panair, bairro Educandos, Zona Sul da cidade.

De acordo com o Batalhão Ambiental, o material foi apreendido durante fiscalização de rotina.  Entre os 300 quilos de pescado, havia 212 quilos de Pirarucu em mantas frescas e 100 quilos de Aruanã.

O batalhão informou que a carne de pirarucu estava sendo vendida em desacordo com as normas que regem sua comercialização.

O proprietário da banca onde estava sendo comercializado o pirarucu, de nome não revelado, foi detido. Já o responsável pelo outro material fugiu ao perceber a presença da polícia.

A polícia ambiental ressaltou que o Pirarucu está em defeso permanente, ou seja, durante todo ano e, portanto, só pode ser comercializado quando for oriundo de piscicultura licenciada por órgão ambiental competente ou de área de manejo devidamente autorizada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Já a pesca do Aruanã está proibida desde o dia 15 deste mês. Tal proibição alcança também outras espécies, tais como o Surubim, o Caparari e o Mapará.

O homem que não teve o nome divulgado foi levado para o 3º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde serão feitos os procedimentos cabíveis. O material apreendido será doado para instituições de caridade.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir