Sem categoria

Mais de 280 mil pessoas foram imunizadas contra a Influenza no Amazonas

A estimativa é que, no Amazonas, 940 mil pessoas integrem os grupos prioritários a serem imunizados – foto: Marcelo Camargo/ABr

A estimativa é que, no Amazonas, 940 mil pessoas integrem os grupos prioritários a serem imunizados – foto: Marcelo Camargo/ABr

A Secretaria Estadual de Saúde (Susam) divulgou nesta segunda-feira (2), o primeiro balanço parcial referente ao Dia D de vacinação contra a Influenza, realizado no último sábado (30).  Conforme a pasta, 284.792 pessoas foram imunizadas no Estado, o que equivale 32,77% da cobertura vacinal prevista nos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde. A vacinação vai até o dia 20 deste mês.

O secretário estadual de Saúde, Pedro Elias de Souza, destaca que este número ainda sofrerá atualizações, porque a grande maioria dos municípios do interior ainda está fazendo a inserção dos dados referentes às ações do Dia D, no sistema do programa de imunização. Mas o secretário considera o saldo positivo, para um único dia de ação. Entretanto, ele reforça a necessidade de empenho das Prefeituras, responsáveis pela execução da campanha nos municípios.

“Dos dados recebidos pela Susam, até o momento, destacamos o trabalho realizado pelo município de Silves, que já atingiu a meta da campanha, somente com as ações realizadas no Dia D”, ressaltou.

A estimativa é que, no Amazonas, 940 mil pessoas integrem os grupos prioritários a serem imunizados. A meta do Ministério da Saúde é que, até o final da campanha, ao menos 80% desse público-alvo receba a vacina contra a gripe, que inclui a proteção contra o vírus H1N1. Entre os municípios que já enviaram informações, o melhor desempenho está com Silves, que atingiu uma cobertura vacinal de 83% no Dia D; em seguida vem Manaus, com 55,1%; Itapiranga, com 49,7%; Canutama, com 49,6%; e Anori, com 41,5%.

A campanha de vacinação contra a gripe prossegue até o dia 20, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de todo o Estado. Na capital, a vacina também está disponível nos Centros de Atenção Integral à Criança e à Melhor Idade (CAICs e CAMISs).

Risco

Devem se vacinar as pessoas com 60 anos ou mais de idade; crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias); as gestantes; as puérperas (até 45 dias após o parto); os trabalhadores de saúde; indígenas; portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais e população privada de liberdade.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir