Dia a dia

Mais de 229 mil alunos iniciam aulas no município

Uma das metas da Semed é de erradicar o analfabetismo absoluto em Manaus, até o ano de 2024- foto: divulgação/Mario Oliveira

Uma das metas da Semed é de erradicar o analfabetismo absoluto em Manaus, até o ano de 2024- foto: divulgação/Mario Oliveira

Com mais de mais de 229 mil alunos matriculados, teve início ontem o ano letivo na rede municipal, com o tema “Garantir os direitos de aprendizagem para a construção de uma cultura de paz e solidariedade”, nas mais de 490 unidades de ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semed). A abordagem está em conformidade com a lei 1426/2010, que institui o Dia da Paz e da Solidariedade nas escolas municipais de Manaus.

Durante a solenidade de abertura do ano letivo, realizada no Parque Municipal do Mindu, no bairro Parque 10 de Novembro, na Zona Centro-Sul, o prefeito Arthur Virgílio Neto destacou que Manaus começa o ano na posição de terceira maior rede de educação do país. Ele disse ainda que mesmo sentindo os efeitos da crise econômica, foi possível absorver toda a demanda por vagas.

“Conseguimos receber de braços abertos todos aqueles que, neste ano, não tiveram condições financeiras para manter seus filhos em escolas particulares. Isso nos dá muito orgulho e esperamos um resultado ainda mais positivo no exame que mede o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), colocando Manaus entre as dez primeiras cidades com melhor desempenho”, reforçou Arthur.

Ainda segundo o prefeito, além de melhorias perenes nas ações pedagógicas, em 2016, novas medidas serão tomadas para corrigir as deficiências da rede municipal de educação. “Temos metas ousadas e, por isso, queremos corrigir as falhas, sobretudo para que não falte merenda escolar em nenhuma das nossas unidades”, garantiu.
Já está em fase de implantação o “Sistema de Controle de Estoque PMM de Merenda”, que vai controlar todo o estoque da alimentação escolar. O sistema contará com um controle de demanda eletrônico, melhorando a infraestrutura e dando maior fluxo no atendimento aos pedidos de cada unidade. A expectativa é que com essa melhoria sejam reduzidos os índices de reprovação e abandono escolar.

Alfabetização

Com objetivo de atender as metas do Plano Municipal de Educação (PME) e do Plano Nacional da Educação (PNE), a Prefeitura de Manaus, por meio da Semed, adotou como objetivo estratégico deste ano o “todo aluno alfabetizado, garantia de sucesso: compromisso de todos”.

Conforme o PME e o PNE, a meta é alfabetizar todas as crianças, no máximo, até o fim do 3° ano do Ensino Fundamental. No entanto, a Semed estipulou como ação estratégica, deste ano, garantir a alfabetização dos alunos da rede, até o final do 1° ano, do Ensino Fundamental. Os planos estipulam, ainda, que a taxa de alfabetização da população com 15 anos ou mais cheguem a 93,5% e que, até o fim da vigência do PME, em 2024, seja erradicado o analfabetismo absoluto, em Manaus.

Conforme a secretária da Semed, Kátia Shcweickardt, a rede municipal vai focar ainda mais no pedagógico, no professor, nos alunos e na relação ensino e aprendizagem.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir